sábado, 28 de julho de 2012

FESTAS AO BOM JESUS DO MONTE E A S. CAETANO - de 3 a 6 de Agosto

Oração composta por São Caetano

"Olhai, Oh! Senhor e Pai Santo,
deste vosso Santuário e lugar excelso
onde habitais no céu
e fixai vosso olhar nesta Hóstia Santa
que vos oferece nosso grande Pontífice
vosso Filho Santíssimo e Senhor Nosso Jesus
pelos pecados de seus irmãos,
e perdoai-nos nossas muitas culpas.
Eis aqui a voz do Sangue
de Nosso Irmão Jesus que clama a Vós desde a Cruz.
Escutai, Oh! Senhor!
Atendei e enviai-nos o vosso socorro;
não o retardeis, Deus meu, por vossa grande bondade
já que vosso Nome tem sido invocado sobre nós,
sobre esta cidade e sobre todo este povo
e proceda connosco segundo vossa misericórdia".
Ámen.

NOMEAÇÃO


Rev. P. Paulo Teixeira, PREFEITO NO SEMINÁRIO MAIOR DO PORTO


Foi momeado por D. Manuel Clemente como Prefeito e membro da equipa formadora do Seminário Maior. A paróquia congratula-se igualmente com quem foi nosso pároco sete anos e nosso amigo e deseja um trabalho fecundo e feliz junto dos seminaristas diocesanos.

DOMINGO XVII DO TEMPO COMUM - Ano B

 «Distribuiu-os e comeram quanto quiseram»
Jo 6, 1-15
A multiplicação dos pães situa-se próximo da Páscoa. Hoje lemos o facto; nos dias seguintes ouviremos o comentário, a catequese que o próprio Senhor Jesus fará deste facto. Mas a multiplicação dos pães e dos peixes é apresentada nos termos da celebração  eucarística. Depois da catequese sobre o Baptismo na fala com Nicodemos, depois da referência constante ao Espírito Santo, começamos hoje a catequese sobre a Eucaristia. Estamos no ambiente da iniciação cristã.

Secretariado Nacional da Liturgia

terça-feira, 24 de julho de 2012

Festas do Bom Jesus do Monte e S. Caetano, quase a chegar!

 
No primeiro fim-de-semana de Agosto, teremos na paróquia as festas do Bom Jesus do Monte e S. Caetano, para as quais se estão a ultimar todos os preparativos a fim de que as festas tenham, como sempre, o brilho da fé e da espiritualidade de todo o povo de Deus.
Os ENSAIOS para o grande coro que animará as Eucaristias iniciaram-se ontem, e vão prosseguir na próxima sexta-feira (27) e segunda (30), às 21h30, na Capela de S. Caetano.
FIGURAS ALEGÓRICAS PARA AS PROCISSÕES - Informar e pedir licença de participação, na Sacristia da Capela S. Caetano
TÔMBOLA PAROQUIAL - prendas, bijuterias e outras ofertas para prémios: pede-se a todos que colaborem com prendas, com bijuterias e outras coisas que ofereçam para a tômbola paroquial. Entregar as ofertas no cartório paroquial ou nos centros de culto.

sábado, 21 de julho de 2012

dia da COMUNIDADE, parabéns e obrigado!

família… fraternidade… igreja… DIOCESE… PARÓQUIA
No domingo, 8 de julho, com grande alegria, a nossa paróquia promoveu pela 6º ano consecutivo o DIA DA COMUNIDADE. Em 2 de Junho de 2006, o Conselho paroquial de Pastoral, à altura ainda com o grato P. Paulo Teixeira, decidiu promover o dia da comunidade substituindo o habitual passeio paroquial. 
O sentido desta mudança estimulava à comunhão entre todos os membros da nossa comunidade. Ao longo dos anos tem sido uma das iniciativas sempre enriquecida e inovada pelos diversos gruopos de pastoral da paróquia. Graças à Comissão Permanente do CPP e a todas as equipas de trabalho (liturgia, comidas, animação, etc) temos celebrado e vivido momentos raros de beleza, de comunhão e de convívio.
 
 
 
 
 
 
Este ano, mais uma vez ficou na memória de todos a manhã, com uma dimensão celebrativa do Domingo Dia do Senhor e da Eucaristia e a tarde com convívo simples, sadio e com a criatividade da “prata da casa”. Antes de tudo, então, obrigado aos grupos que se apresentaram na animação e representação.
  
Obrigado aos que animaram com a sua música, dança e com os seus jogos. Parabéns pela diversidade e riqueza do que vimos e ouvimos.

A TENDA DO SANTÍSSIMO, presença real e sacramental de Jesus Cristo, ao longo de todo o dia, foi o ponto de encontro e de oração e de verdadeira animação do interior de cada um de nós... De certeza que quem aí passou encontrou a verdadeira animação interior e comunitária.
Bem hajam todos os que prepraram e participaram. E o Espírito iluminará para o próximo ano.

Texto: FD 827
Imagens: 11º ano de catequese e Paula Duarte

sexta-feira, 20 de julho de 2012

BRAGA: acolhe a partir de hoje, o FESTIVAL JOTA!

Pelo terceiro ano consecutivo, um grupo de jovens da nossa paróquia estará neste festival, para viver um fim-de-semana em saudável alegria, partilha, conhecimento, enriquecimento e, como tantos outros jovens, fortalecer a fé em Jesus Cristo!
Que esta experiência a todos anime e dê frutos com generosa abundância.
Vós, jovens, sois a Igreja do futuro: que se quer forte, generosa, pronta para viver, testemunhar e dar a conhece ao mundo, os valores do Evangelho.
"Vós sois o sal da terra... Vós sois a luz do mundo" (Mt 5, 13-14).
Que Cristo esteja convosco!


Siga todas as notícias do Festival Jota

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Meditação: aprender a estar em silêncio

 

Precisamos de lançar um olhar mais atento ao tipo de silêncio que se requer para a meditação. Esta não é um tempo de palavras, por mais bela e sinceramente que elas se profiram. Todas as nossas palavras se revelam totalmente inúteis, quando penetramos na profunda e misteriosa comunhão com Deus, cuja Palavra própria está dentro de nós, antes e depois de todas as palavras. «Eu sou o Alfa e o Ómega», diz o Senhor. 

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Novo bispo auxiliar de Braga diz que Igreja tem de deixar a «sacristia» e voltar-se para o mundo.

A D. António Moiteiro Ramos, novo bispo auxiliar de Braga, um amigo de longa data, muitos parabéns!

Nascido a 17 de Maio de 1956, na Aldeia de João Pires, Penamacor, António Manuel Moiteiro Ramos foi ordenado padre a 8 de Abril de 1982. De ...1984 a 1986 fez a licenciatura no Instituto Superior de Teologia São Dâmaso, em Madrid, filiado na Universidade Pontifícia de Salamanca.
Será ordenado a 12 de Agosto, numa celebração presidida pelo cardeal português D. José Saraiva Martins, ex-presidente da Congregação para as Causas dos Santos. O bispo local, D. Manuel Felício, e o arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, serão também bispos ordenantes.
Actualmente, Moiteiro Ramos era professor de teologia pastoral no Instituto Superior de Teologia Beiras e Douro, em Viseu, tendo publicado vários trabalhos na área da catequese e formação de catequistas.
De entre as várias publicações do autor destacamos as que se dedicam à catequese e à formação de catequistas:
1991 – Membro da equipa que elaborou os catecismos do Programa Nacional de Catequese Jesus gosta de Mim (1º ano) e Estou com Jesus (2º ano).
1998 – Guia de leitura do Directório Geral de Catequese.
1998 – Os catecismos portugueses da infância e adolescência de 1953-1993.
2003 – A catequese na diocese da Guarda.
2006 – Procuramos o rosto de Deus e Celebramos o encontro com Cristo.

Director espiritual do Seminário Maior da Guarda durante três décadas, dirigiu também os departamentos de Catequese da Infância e Adolescência, bem como do Ensino da Igreja nas Escolas. Era ainda nesta data, director do Secretariado Diocesano da Educação Cristã.

Leia mais em

terça-feira, 17 de julho de 2012

Jardim Bíblico em Fátima: para apre(e)nder a Palavra com a Natureza

No Centro Bíblico dos Capuchinhos, em Fátima, desenvolve-se, desde 2003, um Jardim Bíblico. A ideia, delineada por frei Lopes Morgado, foi projetada pelo arquiteto paisagista Miguel Velho da Palma, que acompanhou a sua execução inicial. Depois de receber consideráveis melhoramentos nos últimos meses, foi inaugurado oficialmente no dia 16 de junho, quando da celebração dos 50 anos da Casa dos Capuchinhos, naquela cidade.

sábado, 14 de julho de 2012

DOMINGO XV DO TEMPO COMUM


«Começou a enviá-los»
Mc 6, 7-13
A missão dos Apóstolos é puro dom do Senhor; Ele escolhe os que quer, e envia-os a anunciar uma mensagem de salvação que vem d’Ele, o Salvador. E de tal maneira eles anunciam uma mensagem que não é sua, mas de Jesus, que não deverão ir apoiados em seguranças humanas, mas somente no dom do Senhor que os envia.

Secretariado Nacional da Liturgia

O Sacerdócio visto por São João Maria Vianney (Santo Cura d’Ars)

 
Se tivéssemos fé, veríamos Deus oculto no sacerdote, como a luz por trás da vidraça, como vinho misturado na água.” “Devemos considerar o padre quando está no altar e no púlpito como se fosse o próprio Deus” “Oh! Como o sacerdote é algo sublime! Se ele se apercebesse morreria… Deus lhe obedece: diz duas palavras e Nosso Senhor desce do céu.”
“Se não tivéssemos o sacramento da Ordem, não teríamos Nosso Senhor. Quem o colocou no tabernáculo? O padre. Quem foi que recebeu nossa alma à entrada da vida? O padre. Quem a alimenta para lhe dar força de fazer sua peregrinação? O padre.
“Quem a preparará para comparecer perante Deus, lavando a alma pela última vez no sangue de Jesus Cristo? O padre, sempre o padre. E se alma vier a morrer, quem a ressuscitará, quem lhe dará a calma e a paz? Ainda o padre.”
“O Sacerdote não é para si, mas para vós…
“E se a alma morrer quem há-de ressuscitá-la? Ainda o sacerdote. – Não há benefício alguma de que vos lembreis sem ver logo ao lado desta recordação a figura do sacerdote. – O sacerdote tem as chaves dos tesouros celestiais; é o procurador de Deus, é o ministrador de seus bens.”  “Só no céu compreenderemos a felicidade de poder celebrar a Missa.”
 “O padre não é para si. Não dá a si a absolvição. Não administra a si os sacramentos. Ele não é para si, é para vós.” “Se um padre vier a morrer em consequência dos trabalhos e sofrimentos suportados pela glória de Deus e a salvação das almas não seria nada mal.”
“O Sacerdote só será bem compreendido no céu… Se o compreendêssemos na terra, morreríamos, não de pavor, mas de amor.” “Se não fosse o padre, a morte e a Paixão de Nosso Senhor de nada serviriam.”
“O Sacerdote é o amor do Coração de Jesus. Quando virdes o padre, pensai em Nosso Senhor Jesus Cristo".

São João Maria Vianney 
Padroeiro dos Sacerdotes

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Parabéns ao nosso Pároco!

"O Sacerdote é o amor do Coração de Jesus. Quando virdes o padre, pensai em Nosso Senhor Jesus Cristo.” 
São João Maria Vianney

Hoje, a Paróquia de S. Pedro de Vilar do Paraíso felicita o Rev. Pe. José Manuel Lima, na passagem do XXVI Aniversário da sua Ordenação Sacerdotal. Toda a Comunidade em Oração - muito especialmente em comunhão na Eucaristia das 19h00 - pede a Deus que renove ao seu Pároco a Fé, a Esperança e o Amor, para que a continuação do difícil trabalho pastoral que lhe está confiado se torne mais leve e gratificante.
Felicitamos também neste dia, o Rev. Pe. António Augusto, que festeja igualmente Vinte e Seis anos de Sacerdócio.
O Rev. Pe. Paulo Teixeira, no Décimo Quinto Aniversário da sua Ordenação.
E o Rev. Pe. João Pedro, que em 6 de Julho festejou o Décimo Aniversário de Ordenação, e a 13 de Julho, Celebrou a sua Missa Nova, no Parque de S. Caetano.
Para todos, as maiores bênção de Deus! 

quinta-feira, 12 de julho de 2012

NOMEAÇÃO


De acordo com o site da Diocese do Porto, tivemos conhecimento da seguinte notícia: "Sendo necessário prover a Reitoria do Seminário Maior de Nossa Senhora da Conceição, Porto, o Senhor D. Manuel Clemente nomeou como Reitor o Reverendo Senhor Padre António Augusto de Oliveira Azevedo."
Recordamos que o Rev. Pe. António foi Pároco de Vilar do Paraíso, durante 10 anos, onde fez um grande trabalho pastoral  e onde continua com grandes ligações e muitos amigos.
Por isso, esta comunidade não pode deixar de felicitar e desejar ao Rev. Pe. António, todas as bênçãos, para continuar com alegria e muita saúde os caminhos da missão que Deus lhe destinou. 

segunda-feira, 9 de julho de 2012

ORDENAÇÕES NA SÉ DO PORTO

Sede também outros, para que se vislumbre o céu!
Homilia das Ordenações
A quem vos disser que “tendes de ser como os outros”, respondereis redondamente que não, porque preferistes ser para os outros, como Cristo o foi e continuará a ser através de vós. A quem vos disser que “o padre há de ter a sua vida, como toda a gente tem direito a tê-la”, responderias que não, pois vos desapossastes de vós, para que Cristo vos preencha inteiramente com a sua vontade e o seu afeto, assim chegando a todos os que precisam, sobretudo aos que menos são queridos e amados. A quem vos disser que é preciso “dialogar”, respondereis que assim deve ser, mas acrescentando que, quando o diálogo é com Deus, o que mais importa é escutá-Lo; também através da Igreja, onde ressoam as palavras de Cristo aos setenta e dois: “Quem vos ouve é a mim que ouve, e quem vos rejeita é a mim que rejeita” (Lc 10, 16). E, quando as ideias individualmente surgirem e os projetos particulares se esboçarem, também lembrareis – a vós e porventura a outros – que Cristo nos reuniu em Igreja e os apóstolos não caminharam sozinhos.

+ Manuel Clemente
Sé do Porto, 8 de Julho de 2012


domingo, 8 de julho de 2012

DIA DA COMUNIDADE - Parque de S. Caetano

Desde manhã bem cedo e até ao final do dia, estaremos reunidos em Comunidade em Festa, em Alegria em Comunhão e, é assim que Deus nos quer, hoje e sempre!
Sejamos capazes de fazer a Sua vontade e tornar-nos Profetas de um Novo Mundo, que é urgente construir! 

DOMINGO XIV DO TEMPO COMUM - Ano B

«Um profeta só é desprezado na sua terra»
Mc 6, 1-6
O último dos Profetas foi o próprio Filho de Deus, Jesus. Mais do que Profeta, porque Ele, não só anunciou a palavra de Deus, mas Ele próprio é a Palavra do Pai, e veio a este mundo precisamente para ser a Palavra de Deus no meio dos homens. Apesar disso, os seus próprios compatriotas desprezaram-n’O. Era para eles apenas um vizinho, todos Lhe conheciam a história, e facilmente desprezamos o que só conhecemos por fora. Outros, ao longe, hão-de acreditar n’Ele, e, por Ele, chegar ao Pai.

Secretariado Nacional da Liturgia

segunda-feira, 2 de julho de 2012

DIA DA COMUNIDADE EM PREPARAÇÃO

Hoje, 2 de Julho, 21h30, no Centro Paroquial, ensaio dos coros para a celebração da Eucaristia.
Estás convidado(a)!
Apesar da preparação do dia da Comunidade já ter começado há vários meses, esta é a semana de trabalho mais intenso para os responsáveis da "primeira linha"!
Lembramos, porém, que tal como nos anos anteriores, os diversos grupos paroquiais são chamados a colaborar e a dar o melhor que puderem e souberem, para fazer deste dia um encontro de alegria e comunhão entre todos.
Se ainda não foste contactado(a), informa-te junto dos responsáveis do teu grupo de catequese (ou qualquer outro) o que é necessário fazer e comparece nas horas marcadas para ajudar.

Contamos contigo!