terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

INÍCIO DA QUARESMA - 1 DE MARÇO

Celebração da Eucaristia com Imposição das Cinzas
16h00 e 21h30, na Capela de S. Martinho
NÃO TE CONTENTES...

Não te contentes
em receber a cinza na cabeça.
Lembra-te que és pó.

Não te contentes
em arrepender-te.
Acredita no Evangelho.

Não te contentes
em converter os outros.
Converte-te.

Não te contentes
em mudar a cor das coisas.
Muda as coisas.

Não te contentes
em ser feliz.
Faz feliz alguém.

Não te contentes
em esperar a Terra Prometida.
Aceita o Reino que já chegou.

Não te contentes
em ler (ouvir) este poema de boas intenções.
Faz o teu de realidades.

QUARTA-FEIRA DE CINZAS - 1 de março

«Convertei-vos e acreditai no Evangelho!»
É um dizer fortíssimo, que, nesta formulação, aparece uma única vez em toda a Escritura Santa (Marcos 1,15). É o dizer que acompanha o rito das cinzas que serenamente depositamos na cabeça em dia de Quarta-Feira de Cinzas, entregando a nossa terra ardida e seca às mãos carinhosas e ao sopro criador de Deus.
Só assim, pelas mãos de Deus acariciada, pelo seu alento bafejada, poderá dar fruto a nossa terra enrugada, a nossa terra de luto (Salmo 85,13). Deus também dá sono e faz sonhar!
D. António Couto

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

CONVÍVIO/PASSEIO - CORO DE S. CAETANO, FAMILIARES E AMIGOS

Depois do primeiro "post" de agradecimento a Deus por este convívio, voltamos às imagens para partilhar tudo o que vimos e vivemos.
Começamos pelos sorrisos que depois da Eucaristia das 8h00 se viam no rosto dos participantes, e que aos poucos se foram "alinhando" para a entrada no autocarro, cedido pela Câmara Municipal de Gaia. 
Paragem em Baião, onde cada um partiu a descoberta desta vila do distrito do Porto, enfeitada de flores onde nesta altura pontuam magnificas camélias, amores-perfeitos e magnólias. 
O céu nublado, de vez em quando era rasgado por  raios de sol, que davam mais brilho à serra e às vinhas, a paisagem predominante nesta região.
E, porque estas coisas também requerem alguma aventura, os convivas tiveram que deixar a camioneta e seguir em carrinhas mais pequenas até ao restaurante. Porém, alguns fizeram questão de calcorrear a íngreme subida que ali os levou, e sem perderem o sorriso!
Aos poucos todo o grupo se completou, que recebido ao som do acordeão com boa música tradicional portuguesa, não deixou de acompanhar o ritmo!
E, porque as horas se iam chegando e o estômago já precisava de alimento, deu-se início ao primeiro "assalto" !
O convívio foi continuando, sempre com música por companhia, e os primeiros bailarinos e bailarinas fizeram-se à pista para um pezinho de dança.
E lá foi continuando o repasto por entre conversas animadas, o bater de palmas ao ritmo das cantorias.
O conjunto musical, a que de vez em quando se juntavam outros tocadores, continuava a sua actuação. E, para animar ainda mais, também não faltou um "certo ar" de Carnaval!
Quase em "final de festa", a nossa maestrina foi surpreendida pela Maria Rosa com palavras de incentivo e um ramos de flores! 
Agradecimentos
À Câmara Municipal de Gaia pela cedência do transporte.
Aos organizadores deste passeio/convívio e a todos os que nele participaram. 

MESA DAS PALAVRAS

Deita com ternura a semente na terra
É o seu berço natural
E adormece suavemente
Tu e a semente
A semente não erra
A semente não mente
Adormece na terra
Aparece depois um fiozinho de erva
Nasce e cresce
Uma flor floresce
Um fruto amadurece
Um pássaro desce
E reza e canta e dança e debica e agradece
Ao Senhor da messe.

Senhor Jesus,
Dá-me um coração puro e transparente
Como uma nascente,
Como uma semente,
E ensina-me a ser simples e leve
Como aquele pássaro que do céu desce,
Reza, canta, come e agradece. 

D. António Couto 

domingo, 26 de fevereiro de 2017

TEMPO DE AGRADECER

Graças, Senhor,
Por este dia,
Que ao amanhecer começou,
E nos juntou, 
Em louvor e prece na Tua casa.

Graças, Senhor,
Por esta viagem, 
Que nos permitiu ver a natureza,
Majestosa e bela
Em cada caminho percorrido.

Graças, Senhor,
Pela refeição que nos esperava
A confraternização, a festa e a alegria,
E o regresso ao fim do dia
Que nos trouxe a nossa casa.

Graças, Senhor,
Por tudo quanto neste dia nos deste,
E Te peço:
Aceita a minha humilde prece
Feita com simplicidade
Mas de todo o coração.


PASSEIO CONVÍVIO 
Grupo Coral de S. Caetano, amigos e familiares

sábado, 25 de fevereiro de 2017

O MEU PAÍS É ONDE OS PÁSSAROS COMEM À MESA DOS MENINOS

Como é belo o país dos lírios do campo! Como é belo o país das aves que voam e cantam! Como é belo o país de Deus, nosso Pai! Dá-me, Senhor, a graça de poder dizer sempre com suficiente verdade e simplicidade: «O meu país é onde os pássaros/ comem à mesa dos meninos».

D. António Couto
https://mesadepalavras.wordpress.com/2017/02/25/o-meu-pais-e-onde-os-passaros-comem-a-mesa-dos-meninos-2/

DOMINGO VIII DO TEMPO COMUM - Ano A

SALMO RESPONSORIAL Salmo 61 (62), 2-3.6-7.8-9ab (R. 6a) 
Refrão: Só em Deus descansa, ó minha alma. 

Só em Deus descansa a minha alma, 
d’Ele me vem a salvação. 
Ele é meu refúgio e salvação, 
minha fortaleza: jamais serei abalado. 

Minha alma, só em Deus descansa: 
d’Ele vem a minha esperança. 
Ele é meu refúgio e salvação, 
minha fortaleza: jamais serei abalado.  

Em Deus está a minha salvação e a minha glória, 
o meu abrigo, o meu refúgio está em Deus. 
Povo de Deus, em todo o tempo ponde n’Ele 
a vossa confiança, 
desafogai em sua presença os vossos corações. 

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

CARNAVAL 2017


A festa é já amanhã, sábado, 25 fev, 21h30, no centro paroquial. Organizada pela catequese, animada pelos jovens e com a participação de todos.  Não falte!

GRUPO CORAL DE S. CAETANO - Convívio/Passeio a Baião

No próximo domingo, 26 de Fevereiro, o Grupo Coral de S. Caetano com Familiares e Amigos vai em Convívo/Passeio a Baião. A partida será depois da Missa das 8h00, na Capela de S. Martinho. Por esse motivo, domingo não será celebrada Missa às 9h30, na Capela de  S. Caetano.

MENSAGEM DO PAPA FRANCISCO PARA A QUARESMA DE 2017

   A Palavra é um dom. O outro é um dom
A Quaresma é um novo começo, uma estrada que leva a um destino seguro: a Páscoa de Ressurreição, a vitória de Cristo sobre a morte. E este tempo não cessa de nos dirigir um forte convite à conversão: o cristão é chamado a voltar para Deus «de todo o coração» (Jl 2, 12), não se contentando com uma vida medíocre, mas crescendo na amizade do Senhor. Jesus é o amigo fiel que nunca nos abandona, pois, mesmo quando pecamos, espera pacientemente pelo nosso regresso a Ele e, com esta espera, manifesta a sua vontade de perdão (cf. Homilia na Santa Missa, 8 de janeiro de 2016).

A Quaresma é o momento favorável para intensificarmos a vida espiritual através dos meios santos que a Igreja nos propõe: o jejum, a oração e a esmola. Na base de tudo isto, porém, está a Palavra de Deus, que somos convidados a ouvir e meditar com maior assiduidade neste tempo. Aqui queria deter-me, em particular, na parábola do homem rico e do pobre Lázaro (cf. Lc 16, 19-31). Deixemo-nos inspirar por esta página tão significativa, que nos dá a chave para compreender como temos de agir para alcançarmos a verdadeira felicidade e a vida eterna, incitando-nos a uma sincera conversão.
(...)
Que o Espírito Santo nos guie na realização dum verdadeiro caminho de conversão, para redescobrirmos o dom da Palavra de Deus, sermos purificados do pecado que nos cega e servirmos Cristo presente nos irmãos necessitados. Encorajo todos os fiéis a expressar esta renovação espiritual, inclusive participando nas Campanhas de Quaresma que muitos organismos eclesiais, em várias partes do mundo, promovem para fazer crescer a cultura do encontro na única família humana. Rezemos uns pelos outros para que, participando na vitória de Cristo, saibamos abrir as nossas portas ao frágil e ao pobre. Então poderemos viver e testemunhar em plenitude a alegria da Páscoa.

PADRES TRICAMPÕES EUROPEUS DE FUTSAL

A seleção nacional de futsal de sacerdotes sagrou-se, nesta quinta-feira, tricampeã europeia da modalidade. Na final do Europeu discutido na Croácia, a formação venceu a Bosnia-Herzegovina por 3-0.
O conjunto nacional revalidou o titulo pela terceira vez consecutiva na 11ª edição do (Champions Clerum) que reuniu padres do rito latino e oriental.

ESCUTEIROS: AGRUPAMENTO 321 E PAIS

 
ESCUTEIRO POR UM DIA
Actividade que se realiza sábado, 25 de fevereiro, e terá inicio com a celebração da missa, às 9h30, em S. Caetano. 

DIOCESE DE AVEIRO - CAMINHADA DA QUARESMA – 2017

"A Quaresma é um tempo propício para cultivar e fortalecer a fé. Tem uma dimensão positiva de apelo e interpelação sobre a vocação do ser humano, criado à imagem e semelhança de Deus, dignidade que o pecado destrói e só a graça pode restaurar. A Quaresma recorda que cada batizado é peregrino a caminho da terra da promessa, peregrino até à glória da ressurreição. É o nosso caminho até à Páscoa. É uma caminhada de mudança, para que o nosso batismo não fique para trás, algo do passado, mas antes uma presença constante, diante de nós, como o círio aceso na noite pascal. As leituras que a liturgia dominical oferece são verdadeiras catequeses batismais, catequeses que pontuam o caminho que é necessário percorrer para se “fazerem novos cristãos”. Por isso são catequeses para os catecúmenos que se preparam para o batismo, bem como para os batizados que assim recordam e renovam os compromissos batismais (cfr SC 109; AG 14)."

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

LECTIO DIVINA

Rezar a Palavra

Senhor, quero que a minha vida transborde em gestos de amor. Quero transformar-me em lugar de encontro e libertação para os sós, para os abandonados, para os esmagados da vida. Quero ser porto seguro e lugar de abrigo. Que minhas mãos, meus pés, meus olhos sejam sempre coração. Que eu me abra desde dentro em amor concreto pelo irmão como tu te abriste para mim do alto da cruz. Não permitas que me torne pedra de moinho que esmaga e me esmaga no egoísmo sem sentido.

http://aliturgia.com/

LECTIO DIVINA

Evangelho: Mc 9, 41-50

«Quem vos der a beber um copo de água, por serdes de Cristo, em verdade vos digo que não perderá a sua recompensa. Se alguém escandalizar algum destes pequeninos que crêem em Mim, melhor seria para ele que lhe atassem ao pescoço uma dessas mós movidas por um jumento e o lançassem ao mar.
http://aliturgia.com/

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

A MELHOR FESTA DE CARNAVAL

É NO CENTRO PAROQUIAL!
E O CONVITE PARA TODOS!

LECTIO DIVINA -Terça-feira da Semana VII do Tempo Comum

«Quem quiser ser o primeiro será o último de todos e o servo de todos». E, tomando uma criança, colocou-a no meio deles, abraçou-a e disse-lhes: «Quem receber uma destas crianças em meu nome é a Mim que recebe; e quem Me receber não Me recebe a Mim, mas Àquele que Me enviou».
Mc 9, 30-37

EUCARISTIA COM A CATEQUESE

 
Aconteceu no passado sábado e foi um bonito momento de encontro com Jesus, organizado pelas catequistas e crianças do 4º ano de catequese.
Celebração iniciada com o cântico: "Estrela Polar (Tudo gira à Tua volta)" e todos a cantar com o grupo coral Anima, tornou a Eucaristia mais animada e certamente mais vivida.
Na Oração Universal pedimos especialmente: - "por todas as crianças e jovens do mundo inteiro, para que Deus os ajude a caminhar mais firmes no seu amor e a abrir os corações à alegria da Boa Nova, deixando a generosidade florescer nas suas ações. 
No ofertório, um Coração, a Bíblia, o Vinho e Pão foram levados ao altar, e cada um destes símbolos enriquecido com palavras que ajudaram a entender o seu significado. 
"Pai, cria em nós um coração dócil ao Espírito, modelando-o segundo o teu modo de ser, e coloca-nos no caminho da verdadeira perfeição.
"Senhor, na Bíblia encontramos a tua Palavra. Podemos dizer que é o nosso manual de vida, pois nela encontramos respostas para as nossas perguntas, sabedoria, conhecimento, palavras de conforto e ânimo. "
"Jesus, eis aqui estes dons, símbolos do teu amor por nós, porque vieste ao mundo para nos dar a Vida, para alegrar os corações que estavam tristes. Ajuda-nos a entregarmo-nos a Ti, relembra-nos a cada dia a Tua Ressurreição."  
Em Ação de Graças, e porque estamos em ano de comemoração do Centenário das Aparições de Nossa Senhora aos Pastorinhos, rezamos: Avé Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco,  bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós, pecadores, agora e na hora da nossa morte.  Ámen.
Agradecimentos à Susy pela partilha dos textos.
Imagens: Gil e Internet 

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

FESTA DOS BEATOS FRANCISCO E JACINTA MARTO

Hino dos Pastorinhos

Cantemos, alegres, a uma só voz: 
Francisco e Jacinta rogai por nós

Salve, salve, Pastorinhos
Nosso encanto e alegria
Salve, salve, pastorinhos
Predilectos de Maria

Vossos olhos inocentes 
Contemplaram a Senhora
Dos seus filhos peregrinos
Carinhosa protectora

Sacrifício e oração
Foi a vossa vida inteira
Ao convite maternal
Da Senhora da azinheira

Praticando a caridade
Entregáveis com carinho
A merenda que leváveis
Ao primeiro pobrezinho

Caminhantes neste mundo
Ajudai-nos, cada dia
A viver sempre seguros
Sob o manto de Maria

A Senhora do Rosário
Pela vossa intercessão 
Abençoe o Santo Padre
E nos leve à conversão

Contemplando Deus no Céu
Pelos anjos adorado
Alcançai o dom da paz
Para o mundo extraviado

Protegei a nossa Pátria
Para que, à sombra da cruz
Guarde sempre a fé cristã
E a verdade de Jesus

EVANGELHO Mt 18, 1-5.10

«Quem for humilde como esta criança 
esse será o maior no reino dos Céus.
Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo 
segundo São Mateus

Naquele tempo, 
os discípulos aproximaram-se de Jesus 
e perguntaram-Lhe: 
«Quem é o maior no reino dos Céus?». 
Jesus chamou uma criança, 
colocou-a no meio deles e disse-lhes: 
«Em verdade vos digo: 
Se não vos converterdes 
e não vos tornardes como as crianças, 
não entrareis no reino dos Céus. 
Quem for humilde como esta criança 
esse será o maior no reino dos Céus. 
E quem acolher em meu nome uma criança como esta 
acolhe-Me a Mim. 
Vede bem. Não desprezeis um só destes pequeninos. 
Eu vos digo que os seus Anjos vêem continuamente 
o rosto de meu Pai que está nos Céus».

Palavra da salvação.

http://www.liturgia.pt/santos/santo_v.php?cod_santo=38

"FAITH'S NIGHT OUT 2017"

Ricardo Araújo Pereira disse na 4ª edição do ‘Faith's Night Out’ que espera que os crentes “não se esqueçam que são crentes” e que “mantenham a fé”.

O humorista, que fez uma das 12 intervenções na conversa sobre a fé, disse que “a fé é muito diferente da certeza” e valorizou a incerteza que passa também pela vida dos crentes.

Depois de classificar o convite para fazer a conferência sobre o tema “o que o mundo espera dos crentes” no ‘Faith's Night Out’ como "bizarro", Ricardo Araújo Pereira referiu que “o título parece supor que os crentes não fazem parte do mundo, como se fossem de outro reino”.

"Talvez venham a ser, mas por enquanto ainda não, estão aqui comigo”, lembrou.

“Somos muito mais perecidos do que parece. Eu também estou à procura de consolo, também estou sozinho, o mundo para mim também é demasiado grande, áspero, assustador”, disse o humorista que se considera ateu.

domingo, 19 de fevereiro de 2017

OH SUBLIME CIÊNCIA DAS ALTURAS!

Neste Domingo VII do Tempo Comum, continuamos a escutar nas alturas, em alta frequência e alta fidelidade, o que não se pode escutar cá por baixo, em onda média, no meio do barulho e do entulho. E soam hoje, aos nossos ouvidos atónitos, no nosso coração atónito, as duas últimas das «seis antíteses» proferidas por Jesus no SERMÃO DA MONTANHA, e referentes à lei de talião e ao amor ao próximo (Mateus 5,38-48).
(...) 
E Jesus continua em alta sintonia, altíssima alegria, altíssimo amor, estendendo o amor para além dos círculos restritos das nossas simpatias, até aos nossos próprios inimigos! Amor assimétrico, que Jesus ensina agora nas alturas, mas que praticará e ensinará até à Cruz! Ele leva até ao alto do Monte das Bem-Aventuranças e até ao alto do Calvário os nossos ódios desenfreados e a nossa fria justiça distributiva, e restitui-nos em troca o perdão excessivo e o amor transbordante.
(...)
O tom positivo da referida «regra de ouro» recebe ainda outra bem conhecida formulação: «Ama o teu próximo como a ti mesmo!», que atravessa a inteira Escritura: Levítico 19,18; Mateus 22,39; Romanos 13,9; Gálatas 5,14; Tiago 2,8. Mas também esta formulação é perigosa: primeiro, porque eu continuo o ser o centro, sendo eu a medida do amor devido aos outros; segundo, porque, se alguém não se ama a si mesmo (e são, infelizmente, cada vez mais os casos!), como poderá cumprir devidamente esta máxima?

É aqui que cai, como uma lâmina, a força do Evangelho que sai dos lábios de Jesus: «Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei!» (João 13,34). Aqui, a medida não sou eu. Aqui, a medida é Jesus, o das alturas, o do alto das montanhas. Aqui, a medida é sem medida! Aqui, o amor não é interesseiro. Aqui, o amor é puro, radical, incondicional, assimétrico, sem retorno. Aqui, o amor é até ao fim! Oh sublime ciência das alturas!
(...) 
D. António Couto

sábado, 18 de fevereiro de 2017

FOLHA DOMINICAL - informações e reflexões importantes para toda a comunidade

DOMINGO VII DO TEMPO COMUM - Ano A

SALMO RESPONSORIALSalmo 102 (103), 1-2.3-4.8.10.12-13 (R. 8a) 
Refrão: O Senhor é clemente e cheio de compaixão
Ou: Senhor, sois um Deus clemente e compassivo. 

Bendiz, ó minha alma, o Senhor 
e todo o meu ser bendiga o seu nome santo. 
Bendiz, ó minha alma, o Senhor 
e não esqueças nenhum dos seus benefícios. 

Ele perdoa todos os teus pecados 
e cura as tuas enfermidades; 
salva da morte a tua vida 
e coroa-te de graça e misericórdia. 

O Senhor é clemente e compassivo, 
paciente e cheio de bondade; 
não nos tratou segundo os nossos pecados, 
nem nos castigou segundo as nossas culpas. 

Como o Oriente dista do Ocidente, 
assim Ele afasta de nós os nossos pecados; 
como um pai se compadece dos seus filhos, 
assim o Senhor Se compadece dos que O temem. 

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

PAPA CONTRA BANALIZAÇÃO DA VIOLÊNCIA E DO INSULTO NA VIDA DIÁRIA

O Papa alertou hoje em Roma para a banalização da violência e do insulto na vida diária, alertando para as consequências deste clima de “guerra” no panorama internacional

Francisco falava perante professores e alunos da mais jovem universidade pública da capital italiana, ‘Roma Tre’, denunciando a “violência” no modo de falar, o “insulto” e o anonimato, um processo que “tira o nome” às pessoas.

“Anónimos, uns para os outros. Tira-te o nome e as nossas relações são um pouco sem nome: sim, é uma pessoa, aquela que está diante de mim, com um nome, mas eu cumprimento-a como se fosse uma coisa. Isto que vemos aqui cresce, cresce, cresce e torna-se a violência mundial”, sublinhou, durante um discurso improvisado de cerca de 45 minutos.

O Papa quis responder a algumas perguntas, que foram dirigidas por representantes dos alunos, começando por lamentar a “onda de violência” nas cidades antes de pedir que os jovens se envolvam cada vez mais “no serviço aos mais necessitados”.
(...)
Francisco desafiou os presentes a combater a “cultura do hedonismo e do descarte, baseados em ídolos do dinheiro e do prazer”, procurando o “encontro com Cristo”.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

EUCARISTIA COM A CATEQUESE

Sábado,18 de fevereiro, às 16h00, 
na Capela de S. Martinho
Organização e dinamização 
do 4º ano de catequese.

SANTUÁRIO CELEBRA DIA LITÚRGICO DE FRANCISCO E JACINTA

O Santuário de Fátima vai assinalar a 19 e 20 de fevereiro a festa litúrgica dos Beatos Francisco e Jacinta Marto, com um “programa especial para as crianças”.

De acordo com um comunicado do Santuário de Fátima, são esperadas para a ocasião “mais de 600 crianças”, que terão oportunidade de viver “uma experiência única de encontro e descoberta da vida” dos dois pastorinhos que, juntamento com Lúcia de Jesus, testemunharam as Aparições de Nossa Senhora em 1917 na Cova da Iria.

Para a organização, trata-se também de um momento especial para propor aos mais novos Francisco e Jacinta enquanto “modelo e referência de vida”.

CAMPANHA PARA A QUARESMA - Centenário das Aparições de Fátima

Os secretariados diocesanos de Catequese de Leiria-Fátima, Lisboa, Portalegre-Castelo Branco, Santarém e Setúbal desafiam crianças e adolescentes a uma preparação da Páscoa centrada em Maria e no Centenário das Aparições de Fátima.

Segundo a campanha apresentada pelo Secretariado Nacional da Educação Cristã, a ideia é que os mais novos “vivam a Quaresma e a Páscoa ao ritmo da liturgia dominical e iluminados pelas Aparições de Nossa Senhora”.

Um caminho em que vão ter oportunidade de “aprofundar o conhecimento” acerca das aparições marianas na Cova da Iria, e o seu significado 100 anos depois.

Intitulada “Com Maria caminho para Deus”, esta iniciativa que une as dioceses do centro do país transporta os mais novos para as memórias da Irmã Lúcia, uma das três pastorinhas de Fátima, a par de Francisco e Jacinta.

A irmã Lúcia de Jesus, falecida em 2005, dedicou a sua vida à propagação da Mensagem de Fátima e das interpelações deixadas por Nossa Senhora durante as aparições em 1917.

Em destaque, na referida campanha de Quaresma e Páscoa, estão diversos “desafios” pessoais que os mais novos vão ser chamados a realizar, a partir da Mensagem de Fátima e das memórias da Irmã Lúcia, para depois poderem construir a sua própria Capelinha das Aparições.

A cada semana haverá uma proposta, centrada no diálogo de Nossa Senhora com os pastorinhos, e quando completada cada tarefa ou missão será um “tijolo” mais a acrescentar na construção de uma capela semelhante à Capelinha das Aparições em Fátima.


Todos os projetos poderão ser depois construídos na igreja de cada comunidade, por exemplo, mobilizando as crianças e adolescentes nesse sentido.

Os “tijolos” estão entre os materiais fornecidos para esta campanha, que podem ser descarregados online. https://app.box.com/s/r27gre3ipr6rnrdyqz4v50nhm9tupem4

http://www.agencia.ecclesia.pt/noticias/nacional/portugal-dioceses-do-centro-propoem-preparacao-da-pascoa-centrada-no-centenario-das-aparicoes-de-fatima/

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Namorar é caminhar. Fácil? Não, não é.

Hoje celebra-se São Valentim, dia dos namorados. Podia ficar por aqui e estaria tudo dito sobre esta comemoração comercial. Confesso que sou pouco romântico "por marcação" ou "por pedido". Explico-me. Ou o amor é um caminho que se percorre ou não é amor. Portanto, o dia 14 de fevereiro, ou foi o início de uma caminhada a dois ou não faz falta nenhuma no calendário do casal de namorados.

Vivemos numa sociedade cada vez mais globalizada e comercial. O dia dos namorados é consequência desta vivência "interesseira". Ainda na semana passada escrevia acerca da queda do número de casamentos pela Igreja. E o Papa Francisco, já alertou, por diversas vezes,  para a nulidade sacramental da maioria destes. Muitos casais entendem que este sacramento é apenas uma bênção, um costume social para agradar a pais e família. A realidade sobrenatural é completamente esquecida.
(...)
Paulo Victória 
http://www.imissio.net/v2/cronicas/namorar-e-caminhar-facil-nao-nao-e:5279