quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

SOLENIDADE DE SANTA MARIA, MÃE DE DEUS


SALMO RESPONSORIAL Salmo 66 (67), 2-3.5.6 e 8 (R. 2a) 
Refrão: Deus tenha compaixão de nós, Ele nos dê a sua bênção
Deus tenha compaixão de nós

Deus Se compadeça de nós e nos dê a sua bênção, 
resplandeça sobre nós a luz do seu rosto. 
Na terra se conhecerão os seus caminhos 
e entre os povos a sua salvação. 

Alegrem-se e exultem as nações, 
porque julgais os povos com justiça 
e governais as nações 
sobre a terra. 

Os povos Vos louvem, ó Deus, 
todos os povos Vos louvem. 
Deus nos dê a sua bênção 
e chegue o seu temor aos confins da terra.  

DIA MUNDIAL DA PAZ - 1 de janeiro - Mensagem do Papa

"Deus não é indiferente; importa-Lhe a humanidade! Deus não a abandona! Com esta minha profunda convicção, quero, no início do novo ano, formular votos de paz e bênçãos abundantes, sob o signo da esperança, para o futuro de cada homem e mulher, de cada família, povo e nação do mundo, e também dos chefes de Estado e de governo e dos responsáveis das religiões. Com efeito, não perdemos a esperança de que o ano de 2016 nos veja a todos firme e confiadamente empenhados, nos diferentes níveis, a realizar a justiça e a trabalhar pela paz. Na verdade, esta é dom de Deus e trabalho dos homens; a paz é dom de Deus, mas confiado a todos os homens e a todas as mulheres, que são chamados a realizá-lo."

SOLENIDADE DE SANTA MARIA MÃE DE DEUS - 1 de janeiro

Todas as Missas serão meia hora mais tarde 
(8h30, 10h00, e 11h30h). 
Neste dia de Ano Novo não haverá missa na Ilha.

MISSA COM JOVENS UNIVERSITÁRIOS DA NOSSA PARÓQUIA
 3 de Janeiro, Epifania do Senhor, 
11h00 S. Martinho.

5º CICLO DE CONVERSAS AMPLAS

É já em janeiro, com mais um excelente tema e painel de oradores.
Para tomar nota na agenda e PARTILHAR!

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

CAPELA DE S. CAETANO EM TEMPO DE NATAL

 
 
 
 

CONVITE A TODOS OS JOVENS UNIVERSITÁRIOS

Como os Magos que de longe rumaram a Belém para adorar o Menino, vem tu também prestar-lhe homenagem, agradecer-lhe o ano que terminou e o que se inicia. Porque só Ele é a Esperança, Força e Luz que te guiarão mansamente pelos caminhos mais seguros, e dar-te-à Serenidade, Bondade e Misericórdia em todos os dias da tua vida.

domingo, 27 de dezembro de 2015

ORAÇÃO DA FAMÍLIA

Senhor, nosso Pai,
Tu quiseste que o Teu Filho
nascesse e crescesse
no seio de uma família como as outras.
Assim, ao longo de uma vida simples,
Ele aprendeu, pouco a pouco
de José e de Maria
a tornar Se adulto
e a descobrir a sua missão.

Por isso, Senhor, nosso Pai, 
nós Te pedimos que as famílias de hoje
sejam fortes, estáveis e vivam em harmonia.
Que cada um atinja o pleno desenvolvimento
na alegria de estar juntos, até ao perdão.
Que elas escutem todos os apelos
vindos de fora.

Pai, tu que és todo Ternura,
concede às famílias feridas pela doença,
o luto, a divisão ou a ruptura,
a coragem de continuarem a crescer
e a esperar em Ti,
sem nunca perderem a confiança um no outro.

Que cada família acolha o Teu Espírito
e, dia após dia, d’Ele receba a inspiração.
Isto é vital para a Igreja.
Isto é vital para o mundo.

(Cardeal G. Dannels, Bélgica)

IGREJA PAROQUIAL EM TEMPO DE NATAL

 
 
 
 

sábado, 26 de dezembro de 2015

COM O MENINO NOS BRAÇOS E NO CORAÇÃO

Santa Maria de um amor maior,
Do tamanho do Menino que levas ao colo,
Diante de ti me ajoelho e esmolo
A graça de um lar unido ao teu redor.

 Protege, Senhora, as nossas famílias,
Todos os casais, os filhos e os pais,
E enche de alegria, mais e mais e mais,
Todos os seus dias, manhãs, tardes, noites e vigílias.

Vela, Senhora, por cada criança,
Por cada mãe, por cada pai, por cada irmão,
A todos os velhinhos, Senhora, dá a mão,
E deixa em cada rosto um afago de esperança.

António Couto

FOLHA DOMINICAL - informações e reflexões importantes para toda a comunidade

 

SAGRADA FAMÍLIA DE JESUS, MARIA E JOSÉ

SALMO RESPONSORIALSalmo 127 (128), 1-2.3.4-5 (R. cf. 1) 
Refrão: Felizes os que esperam no Senhor 
e seguem os seus caminhos. 
Ou: Ditosos os que temem o Senhor, 
ditosos os que seguem os seus caminhos.

Feliz de ti, que temes o Senhor 
e andas nos seus caminhos. 
Comerás do trabalho das tuas mãos, 
serás feliz e tudo te correrá bem.

Tua esposa será como videira fecunda, 
no íntimo do teu lar; 
teus filhos serão como ramos de oliveira, 
ao redor da tua mesa.

Assim será abençoado o homem que teme o Senhor. 
De Sião te abençoe o Senhor: 
vejas a prosperidade de Jerusalém, 
todos os dias da tua vida.

FALECEU O PAI DA NOSSA CATEQUISTA RUTE CASTRO

O funeral realiza-se hoje, sábado, 
26 de Dezembro, na Igreja Paroquial.
À Rute Castro e a toda a família apresentamos as mais sentidas condolências, e pedimos ao Deus Menino, Senhor da Vida e da Esperança, que a todos conforte nesta hora de angústia de dor.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

NATAL DO SENHOR - MISSA DO DIA

SALMO RESPONSORIAL Salmo 97 (98), 1.2-3ab.3cd-4.5-6 (R. 3c) 
Refrão: Todos os confins da terra 
viram a salvação do nosso Deus

Cantai ao Senhor um cântico novo 
pelas maravilhas que Ele operou. 
A sua mão e o seu santo braço 
Lhe deram a vitória.  

O Senhor deu a conhecer a salvação, 
revelou aos olhos das nações a sua justiça. 
Recordou-Se da sua bondade e fidelidade 
em favor da casa de Israel.  

Os confins da terra puderam ver 
a salvação do nosso Deus. 
Aclamai o Senhor, terra inteira, 
exultai de alegria e cantai. 

Cantai ao Senhor ao som da cítara, 
ao som da cítara e da lira; 
ao som da tuba e da trombeta, 
aclamai o Senhor, nosso Rei. 

NA TUA CASA E NA TUA SALA, HÁ LUGAR PARA QUEM E PARA QUÊ?

Há dois mil anos Deus sonhou
E foi
Natal em Belém.
Sonha também.
Se o jumento corou
E o boi se ajoelhou,
Não deixes tu de orar também.

A notícia ecoou nos campos de Belém.
Com o celeste recital que ali se deu,
O céu ficou ao léu,
A terra emudeceu de espanto,
E os pastores dançaram tanto, tanto,
Que até os mansos animais entraram nesse canto.

Isaías 1,3 antecipou a cena,
E gravou com o fulgor da sua pena
O manso boi e o pacífico jumento
Comendo as flores de açucena da vara de José sentado ao lume,
E bafejando depois suavemente o Menino de perfume.
Enquanto os meigos animais vão comer à mão do dono,
O meu povo, diz Deus, não me conhece, 
E perde-se nos buracos de ozono.

Vem, Menino!
E quando vieres para a tua doirada sementeira,
Que logo cresce e se faz messe (João 4,35),
Quando assobiares às boieiras,
Chama também por mim,
Diz bem alto o meu nome,
Vamos os dois para o campo e para a eira,
E enche-me de fome de um amor como o teu,
Pequenino e enorme.

D. António Couto
https://mesadepalavras.wordpress.com/2015/12/24/na-tua-casa-e-na-tua-sala-ha-lugar-para-que-e-para-quem/

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

NATAL DO SENHOR - Missa da Noite

SALMO RESPONSORIAL Salmo 95 (96), 1-2a.2b-3.11-12.13 (R. Lc 2,11)
Refrão: Hoje nasceu o nosso salvador, Jesus Cristo, Senhor.

Cantai ao Senhor um cântico novo,
cantai ao Senhor, terra inteira,
cantai ao Senhor, bendizei o seu nome.

Anunciai dia a dia a sua salvação,
publicai entre as nações a sua glória,
em todos os povos as suas maravilhas.

Alegrem-se os céus, exulte a terra,
ressoe o mar e tudo o que ele contém,
exultem os campos e quanto neles existe,
alegrem-se as árvores das florestas.

Diante do Senhor que vem,
que vem para julgar a terra:
julgará o mundo com justiça
e os povos com fidelidade.

10 MILHÕES DE ESTRELAS, a brilhar na noite de NATAL

 vamos acender uma vela pela PAZ e rezar

ORAÇÃO PELA PAZ

Deus dos nossos pais, 
grande e misericordioso, 
Senhor da paz e da vida, 
Pai de todos, 
Tu tens projetos de paz e não de aflição, 
condenas as guerras 
e abates o orgulho dos violentos. 
Enviaste o teu Filho Jesus 
para anunciar a paz aos que estavam perto e longe, 
para reunir os homens de toda a raça e estirpe
numa única família. 
Escuta o grito unânime dos teus filhos, 
a súplica cheia de tristeza de toda a humanidade; 
jamais a guerra, espiral de luto e de violência; 
ameaça para as tuas criaturas 
no céu, na terra e no mar. 
Em comunhão com Maria, a Mãe de Jesus, 
suplicamos ainda:
fala ao coração dos responsáveis dos destinos dos povos, 
cessa a lógica das represálias e da vingança,
sugere com o teu Espírito novas soluções, 
gestos generosos e respeitosos,
espaços de diálogo e de paciência. 
Dá ao nosso tempo dias de paz. 
Jamais a guerra.
Ámen.

S. João Paulo II

CELEBRAÇÕES EM TEMPO DE NATAL

 Missa da Vigília de NATAL 
Quinta-feira, dia 24, 17h00, capela de S. Martinho. 

DIA DE NATAL 
Sexta dia 25: Missas às 8h30 e 11h30, 
capela de S. Martinho. Igreja e S.Caetano, às 10h00

FESTA DA SAGRADA FAMÍLIA 
Domingo dia 27, missas nos horários normais. 
Na missa das 11h00, na capela de S. Martinho 
haverá celebração com os casais aniversariantes de 2015 
e bênção das famílias.

Nota: Dia de Natal e de Ano novo não haverá missa na Ilha

UM SANTO E FELIZ NATAL

 Os catequistas da paróquia 
de S. Pedro de Vilar do Paraíso 
 desejam a todos, um SANTO E FELIZ NATAL.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

EUCARISTIA COM A CATEQUESE - 19.12.2015

 
 Os sinais já são evidentes…
O Natal está quase a chegar!
Todos os olhares se dirigem para a ternura 
da família de Nazaré, 
na humildade e simplicidade 
que envolve aquele nascimento tão esperado.
O Presépio ocupa já um lugar central. 
O 8.º ano da catequese também preparou a
 dinamização da eucaristia 
já com os olhos postos no Natal, tal é a sua proximidade. 
O despojamento e simplicidade do presépio 
recentra-nos no essencial da vida.
Parece tão fácil…mas afinal é tão difícil! 
Nascidos para a liberdade,
tecemos as nossas próprias amarras,
 criando os nossos castelos
 e os nossos tesouros que nos distorcem a visão…
 E a Palavra do Evangelho foi proferida de uma forma especial
 que prendeu a atenção, principalmente dos mais pequenos.
Foi projetado um pequeno filme animado
onde era representada a visita de Maria a sua prima Isabel. 
Estas duas mulheres que além do parentesco também 
se aproximavam no sentimento partilhado de mulheres/mães
 de filhos muito especiais. Próximas nas suas alegrias e 
apreensões presentes e, com certeza, também nos seus 
sofrimentos futuros, mas ambas confiantes na vontade de Deus.
 Entre os símbolos levados no ofertório,
não faltou o presépio,
 que é a representação mais genuína do acontecimento 
que celebramos
 pedindo que não nos detenhamos nas luzes com que
o decoramos, mas antes na Luz que esse Menino
nascido em Belém é para a humanidade.
 Também levaram um tabuleiro com alimentos
 como sinal da partilha solidária que sempre o Natal
especialmente desperta no coração de cada um. 
Também estiveram em distribuição os mealheiros para 
a comunidade, com a finalidade de, até ao dia da comunidade, 
irmos “amealhando” algum dinheiro para as obras da paróquia.
No final, também houve um “ miminho” para todos, 
a abrir o apetite para as coisas boas da ceia de Natal.
Feliz Natal na alegria da esperança 
chegada com o nascimento do Menino Jesus!