Faça o seu DONATIVO à Paróquia de São Pedro de Vilar do Paraíso. NIB 0018 0000 1016 3256 0017 5, IBAN 001800001016325600175 (Fábrica da Igreja Vilar do Paraíso). Se desejar recibo para efeitos de IRS, envie e-mail para: parocovp@gmail.com. Muito obrigado! Continuação de SANTAS FESTAS PASCAIS.

sábado, 31 de agosto de 2019

PROTEÇÃO DOS 0CEANOS - O Vídeo do Papa

Uma maneira de explicar a importância de cuidar dos oceanos é usar alguns exemplos simples, mas impressionantes: uma em cada duas pessoas vive dos oceanos. E a cada duas respirações que fazemos, uma é graças aos oceanos. Vamos cuidar deles. Sua morte implicaria a morte de tudo o que está vivo na terra, incluindo a nós mesmos.

“Os oceanos contêm não só a maior parte da água do planeta, mas também a maior parte da vasta variedade dos seres vivos, muitos deles ameaçados por diversas causas.

A criação é um projeto do amor de Deus para toda a humanidade.

Nossa solidariedade com a "casa comum" nasce da nossa fé.

Vamos rezar neste mês para que os políticos, os cientistas e os economistas trabalhem juntos pela proteção dos mares e dos oceanos”.

https://redemundialdeoracaodopapa.pt

DOMINGO, 1 DE SETEMBRO DE 2019

EUCARISTIAS na PARÓQUIA:
11h00, Capela de S. Martinho, despedida do Rev. Pe. Jerónimo e Rev. Pe. José Guedes.
16h30, Igreja Paroquial, entrada do Rev. Pe. Carlos Alberto da Costa Correia.

Toda a COMUNIDADE é CONVIDADA a participar.

DOMINGO XXII DO TEMPO COMUM - Ano C

SALMO RESPONSORIAL Salmo 67 (68), 4-7ab.10-11 (R. cf. 11b) 

Refrão: Na vossa bondade, Senhor, 
preparastes uma casa para o pobre. 

Os justos alegram-se na presença de Deus, 
exultam e transbordam de alegria. 
Cantai a Deus, entoai um cântico ao seu nome; 
o seu nome é Senhor: exultai na sua presença. 

Pai dos órfãos e defensor das viúvas, 
é Deus na sua morada santa. 
Aos abandonados Deus prepara uma casa, 
conduz os cativos à liberdade. 

Derramastes, ó Deus, uma chuva de bênçãos, 
restaurastes a vossa herança enfraquecida. 
A vossa grei estabeleceu-se numa terra 
que a vossa bondade, ó Deus, 
preparara ao oprimido. 

JOVENS CHEGARAM DE TAIZÉ

O Grupo de Jovens da nossa paróquia esteve em Taizé durante uma semana, e acaba de chegar de coração cheio, agradecido e contam-nos que "algumas palavras ganharam novos significados: Simplicidade /hospitalidade /comunidade /partilha /fé /entreajuda /Cristo."
Numa comunidade acolhedora "encontrámos a nossa paz nesta Terra Prometida, onde respiramos no silêncio e na simplicidade de Taizé."
"Nunca pensei ser tão feliz a viver na simplicidade desta comunidade. Foi uma experiência que nos ofereceu muito, e, como tal, faltam as palavras para descrever tudo aquilo que aprendemos e partilhamos com pessoas, que à primeira vista, eram desconhecidas."
Bem-vindos, queridos jovens! E que na comunidade se sintam os vossos passos ainda mais revigorados e guiados por esta experiência única.

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

PAPA FRANCISCO VISITA MOÇAMBIQUE

Com o lema ‘Esperança. Paz. Reconciliação’.

O Papa enviou uma mensagem em português ao povo de Moçambique, antecipando a viagem que vai fazer ao país lusófono, de 4 a 6 de setembro, para sublinhar a importância da “reconciliação”.

“Que o Deus e Pai de todos consolide a reconciliação, reconciliação fraterna em Moçambique e na África inteira, única esperança para uma paz firme e duradoura”, deseja Francisco, numa intervenção, em vídeo, divulgada pelo Vaticano.

A 1 de agosto, o presidente moçambicano, Filipe Nyusi, e o líder da Renamo, Ossufo Momade, assinaram um acordo de cessação das hostilidades, para o fim formal dos confrontos entre as forças governamentais e o braço armado do principal partido da oposição.

O Papa dirige-se ao “querido povo de Moçambique”, sublinhando que, apesar de não se deslocar a outras cidades além da capital, deseja dirigir-se a toda a população, em particular os que vivem momentos mais difíceis.

“O meu coração alcança e abraça a todos vós, com um lugar especial para quantos vivem atribulados. Desde já vos queria deixar esta certeza: estais todos na minha oração. Anseio pelo momento de vos encontrar”, refere.

Francisco convida todos a rezar pela paz, evocando a vista de São João Paulo II a Moçambique, até hoje o único pontífice a visitar o país lusófono – de 16 a 19 de setembro de 1988, no contexto de uma viagem alargada a África.

Terei a alegria de partilhar diretamente convosco estas convicções e também de verificar como cresce a sementeira feita pelo meu antecessor São João Paulo II. Esta viagem permitir-me-á encontrar a comunidade católica e confirmá-la no seu testemunho do Evangelho, que ensina a dignidade de cada homem e mulher e exige que abramos os nossos corações aos outros, especialmente aos pobres e necessitados”.

A intervenção conclui-se com um agradecimento a todos os que estão envolvidos na preparação da viagem e uma bênção, com a invocação da Virgem Maria.

“Até breve”, diz o Papa.

Francisco chega à capital moçambicana pelas 18h30 (menos uma em Lisboa) de 4 de setembro, após um voo de 10 horas e meia desde Roma, sendo acolhido no aeroporto de Maputo.

O programa oficial inicia-se a 5 de setembro, com a visita ao Palácio da Ponta Vermelha, para um encontro com o presidente moçambicano, Filipe Nyusi, seguindo-se a primeira das cinco intervenções pontifícias programadas, um discurso a representantes da sociedade civil e do corpo diplomático.

Ainda nesse dia, Francisco preside a um encontro inter-religioso de jovens, no Pavilhão de Maxaquene; à tarde, o Papa encontra-se com membros do clero, de institutos religiosos católicos, animadores e catequistas, na Catedral da Imaculada Conceição.

A agenda de 6 de setembro começa com uma visita ao hospital do Zimpeto, onde o pontífice fará uma saudação; o momento conclusivo da viagem é a Missa no Estádio do Zimpeto, inaugurado em 2011; Francisco parte depois do aeroporto de Maputo, rumo a Antananarivo (Madagáscar), visitando ainda o território malgaxe e a Maurícia, até 10 de setembro.

A viagem a Moçambique, a convite das autoridades políticas e da Conferência Episcopal, tem o lema ‘Esperança. Paz. Reconciliação’.

Esta será a quarta viagem do atual pontífice a África, após as visitas ao Quénia, Uganda e República Centro-Africana, em 2015; ao Egito, em 2017; e a Marrocos, que decorreu entre 30 e 31 de março deste ano.

SEXTA-FEIRA DA SEMANA XXI DO TEMPO COMUM

«Em verdade vos digo: Não vos conheço’. Portanto, vigiai, porque não sabeis o dia nem a hora».  MT 25, 1-13

Rezar a Palavra
“Não te conheço”. São duras as tuas palavras, Senhor. Pelas minhas opções posso transformar-me em alguém tão desfigurado que nem tu me conheces. Ensina-me a cuidar da minha vida para que possa restaurar em mim a imagem divina à semelhança da qual fui criado e concede-me o dom da prudência para que não me perca pelos caminhos da insensatez que me impedem de estar contigo para sempre.

Compromisso
Quero deixar-me iluminar por Jesus para orientar os meus passos pelo caminho da eternidade.

https://aliturgia.com/sexta-feira-da-semana-xxi-do-tempo-comum-4/

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

TUDO SE RENOVA

Na força do Pai do Filho e do Espírito Santo
Assim vai acontecer no próximo domingo na nossa comunidade de S. Pedro de Vilar do Paraíso.
Estejamos desde já profundamente gratos a quem tudo deu, dia após dia, e nos congregou na simplicidade e no profundo amor de Deus. E, porque já se sentem os passos do novo mensageiro, saibamos neste novo tempo acolhe-lo com alegria e em abraço fraterno, tal como Jesus faria.

QUINTA-FEIRA DA SEMANA XXI DO TEMPO COMUM

1 TESSALONICENSES 3, 7-13
"A vossa fé, irmãos, foi para nós um motivo de conforto no meio de todas as nossas angústias e tribulações." 
(...)
Rezar a Palavra
Uma multidão de homens e mulheres fazem, hoje, a experiência da fé com verdade, entrega e dedicação. Em muitas comunidades cristãs espalhadas pelo mundo há homens e mulheres que se dão em caridade aos irmãos. Os gestos de amor fraterno e de preocupação pelos outros multiplicam-se no silêncio. Esses gestos brotam da fé na tua palavra e são manifestação da tua bondade para connosco. Dá-nos a capacidade de ver o coração dos nossos irmãos porque aí podemos contemplar a tua presença. 

https://aliturgia.com/quinta-feira-da-semana-xxi-do-tempo-comum-4/

terça-feira, 27 de agosto de 2019

TESTEMUNHO DE UM AMIGO, PE. RUI FERREIRA

Ser missionário faz parte do ADN do ser cristão. Uma missão que se assume diariamente e que pode levar ao desenvolvimento de projetos pelo bem-estar do outro em opções que se podem estender ao longo da vida.
O percurso do padre Rui Ferreira, nosso convidado esta manhã, levou-o a ser psicólogo em busca da compreensão do ser humano e da necessidade de ajudar o próximo. O sacerdócio não se colocava ainda quando em 2008 não pode participar numa peregrinação a pé a Fátima, por limite de inscrições. Esse foi o ano em que decorreu, em Portugal, o congresso Missionário, uma atividade que congregou em Fátima muitos testemunhos, atividades e formas de ser missão.O então jovem Rui Ferreira também lá esteve e deixou-se entusiasmar por uma Igreja missionária, dinâmica, jovem, despojada. Foi ainda nesse ano que participou num curso de Missiologia, ali conheceu os Missionários da Boa Nova e se sentiu em casa.

PREPARAÇÃO DAS CELEBRAÇÕES - Ensaios


Dia 1 de Setembro, como existirão duas celebrações - 11h na Capela de São Martinho e 16:30h na Igreja Paroquial - estão convidados os grupos corais e outros elementos da paróquia a participar no Coro Geral!

27 e 29 de Agosto, às 21:30h, na Capela de São Martinho... para guardar na agenda... e na memória 😉
Até lá!

TEMPO DE AGRADECIMENTO E GRAÇAS A DEUS

1 de Setembro de 2019
Dia de darmos graças a Deus pelos sacerdotes enviados à nossa Paróquia.
Ao Pe. Jerónimo e Pe. Guedes, o nosso eterno OBRIGADO... esperando que nos possam continuar a visitar e presentear com as suas palavras, que tocam o nosso coração e o tornam sempre mais disponível a Jesus!

Recebamos com alegria o Pe. Carlos Alberto, pedindo para ele as maiores bênçãos e felicidades nesta nova missão!

Contamos com todos! 💗

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

"TODOS OS VOSSOS CAMINHOS, SENHOR..."

Que os caminhos percorridos em tempo de férias tenham sido benéficos para o corpo e o espírito, e nos ajudem agora a recomeçar as rotinas quotidianas com mais energia e de sorriso aberto para acolher cada irmão.
Neste novo recomeço sejamos como a natureza: bela, harmoniosa, cheios de vida renovada e onde os frutos se multiplicam. 

terça-feira, 20 de agosto de 2019

CRISTO ONTEM, CRISTO HOJE

Cristo Ontem, Cristo Hoje
Cristo sempre, meu Salvador.
Tu és Deus, Tu és Amor.
Tu me chamas, eis-me aqui!

Louvai Jesus, o Salvador,
Que em seu amor nos concedeu
O grande dom do Jubileu.
Aclamemos o nosso Deus! Amen! Aleluia!

Louvai Jesus, Nosso Senhor,
Que veio ao mundo p'ra salvar
A todos nós, os filhos seus.
Aclamemos o nosso Deus! Amen! Aleluia!

Louvai Jesus, o Bom Pastor,
Que por amor foi procurar
O pecador para o salvar.
Aclamemos o nosso Deus! Amen! Aleluia!

Louvai Jesus, Mestre e Senhor,
Que nos estende a sua mão
E nos concede o seu perdão.
Aclamemos o nosso Deus! Amen! Aleluia!

Louvai Jesus, o Redentor,
Que sobre a morte triunfou,
E do pecado nos salvou.
Aclamemos o nosso Deus! Amen! Aleluia!

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

sábado, 17 de agosto de 2019

DOMINGO XX DO TEMPO COMUM - Ano C

SALMO RESPONSORIAL Salmo 39 (40), 2.3.4.18 (R. 14b) 
Refrão: Senhor, socorrei-me sem demora. 

Esperei no Senhor com toda a confiança 
e Ele atendeu-me. 
Ouviu o meu clamor 
e retirou-me do abismo e do lamaçal, 
assentou os meus pés na rocha 
e firmou os meus passos. 

Pôs em meus lábios um cântico novo, 
um hino de louvor ao nosso Deus. 
Vendo isto, muitos hão-de temer 
e pôr a sua confiança no Senhor. 

Eu sou pobre e infeliz: 
Senhor, cuidai de mim.
Sois o meu protector e libertador:
ó meu Deus, não tardeis. 

TEMPO DE FÉRIAS

É tempo privilegiado para o descanso, reflexão, silêncio, oração e encontro com Deus no meio da natureza.
Há verdadeiros oásis, longe das multidões, propícios a regenerar o corpo e alimentar a alma.
Escutar, sentir, amar e agradecer a Deus por todas estas maravilhas, é a melhor forma de dar sentido aos dias que correm e em breve terminam.
Boas férias!

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

ASSUNÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA – SOLENIDADE

SALMO RESPONSORIAL Salmo 44 (45), 10.11.12.16 (R. cf. 10b)
Refrão: À vossa direita, Senhor, 
a Rainha do Céu, 
ornada do ouro mais fino. 

Ao vosso encontro vêm filhas de reis,
à vossa direita está a rainha,
ornada com ouro de Ofir.

Ouve, minha filha, vê e presta atenção,
esquece o teu povo e a casa de teu pai.

Da tua beleza se enamora o Rei;
Ele é o teu Senhor, presta-Lhe homenagem.

Cheias de entusiasmo e alegria,
entram no palácio do Rei. 

ASSUNÇÃO DA VIRGEM SANTA MARIA - 15 de Agosto

Missas nos horários dos domingos
Salve, ó Virgem Maria,
 Santa Mãe do Rei,
que rege o céu e a terra,
pelos séculos dos séculos.

O meu coração vibra com uma ideia feliz:
Vou dedicar ao Rei o meu poema.
Minha língua é pena de hábil escriba.

Sois o mais belo dos filhos dos homens,
a graça se derrama em vossos lábios,
por isso Deus vos abençoou para sempre.

Nos palácios de marfim
Deliciam-vos os sons da lira,
ao vosso encontro vêm filhas de reis,
à vossa direita a rainha
 ornada com ouro de Ofir.

Ouve, filha, vê e presta atenção,
esquece o teu povo e a casa de teu pai.
De tua beleza se enamora o Rei /
Ele é o teu Senhor, presta-Lhe homenagem.

 A filha do Rei avança cheia de esplendor,
de brocados de ouro são os seus vestidos.
Com um manto multicolor é
apresentada ao Rei.

terça-feira, 13 de agosto de 2019

PEDI E DAR-SE-VOS -Á; PROCURAI E ENCONTRAREIS; BATEI À PORTA E ABRIR-SE-VOS-Á

Porque quem pede recebe; 
quem procura encontra 
a quem bate à porta, abrir-se-á.
E, assim, confiante na Palavra que nos vem de Deus, a comunidade ora e pede as rápidas melhoras do Rev. Padre Jerónimo Nunes, a fim de que em breve possa voltar com força e vontade renovadas para o cumprimento da missão que o espera. 

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

COMUNIDADE REUNIDA E EM FESTA

Quando a comunidade se reúne há sorrisos de felicidade, momentos de partilha e felicitações, visitas inesperadas, cumplicidade, amizade e com alegria se faz FESTA!
Que São Caetano e o Bom Jesus do Monte nos ajudem a continuar a fazer parte desta família do coração, comunhão, fé e oração, para que o amor de Deus se sinta em nós e seja levado a todos os nossos irmãos.

domingo, 11 de agosto de 2019

FESTAS DO BOM JESUS DO MONTE E SÃO CAETANO - GRUPO CORAL

 
O Coro que animou as celebrações das Eucaristia nas Festas - como vem sendo tradição - era formado por elementos de todos os Coros da Paróquia e que ao longo de vários dias se preparou para cantar bem, vivendo as festas de uma forma espiritual mais intensa, contribuindo com as suas vozes e a música para que as celebrações fossem, sem dúvida, muito mais bonitas. 
Um sincero bem-haja a todas as vozes que participaram neste Coro, pelo envolvimento e esforço que exigiu a cada um. 
E, naturalmente, também um grande bem-haja à Margarida que tocou o órgão, à Beatriz - que mais uma vez se disponibilizou para nos vir ajudar – e tocou flauta, à maestrina Tânia Leitão, por todo o trabalho de escolha de cânticos, ensaios e direcção do Coro.
Que este caminho continue a ser feito, ainda que com sacrifício para muitos, pois a recompensa será sempre um coração que rejubila de alegria e a esperança de que cantando, dirigindo ou tocando se leva mais longe a Palavra de Deus.
Que São Caetano providencie as maiores felicidades na vida de cada um, que o Bom Jesus do Monte a todos conceda as sua maiores bênçãos. 
Juntos em: "Um só Senhor, uma só fé, um só baptismo. Há um só Deus e Pai de todos, que actua acima de todos, por todos e em todos."  Efésios, 4 

sábado, 10 de agosto de 2019

DOMINGO XIX DO TEMPO COMUM - Ano C

SALMO RESPONSORIAL Salmo 32 (33), 1.12.18-19.20.22 (R. 12b) 

Refrão: Feliz o povo que o Senhor escolheu para sua herança. 

Justos, aclamai o Senhor, 
os corações rectos devem louvá-l’O. 
Feliz a nação que tem o Senhor por seu Deus, 
o povo que Ele escolheu para sua herança. 

Os olhos do Senhor estão voltados 
para os que O temem, 
para os que esperam na sua bondade, 
para libertar da morte as suas almas 
e os alimentar no tempo da fome. 

A nossa alma espera o Senhor, 
Ele é o nosso amparo e protector. 
Venha sobre nós a vossa bondade, 
porque em Vós esperamos, Senhor.

sexta-feira, 9 de agosto de 2019

FESTAS DO BOM JESUS DO MONTE E SÃO CAETANO - A OBRA DE DEUS


A Obra de Deus
Consiste em acreditar,
em acreditar n' Aquele que Ele enviou
n' Aquele que Ele enviou

Eu creio Senhor, Eu creio Senhor,
mas aumenta, mas aumenta a minha fé

Senhor Jesus Tu és o Bom Pastor: Tu és Cristo
Senhor Jesus Tu és o Caminho a Verdade e a Vida: Tu és Cristo
Senhor Jesus Tu és a Luz do mundo: Tu és Cristo
Senhor Jesus, Tu és a Ressurreição e a Vida: Tu és Cristo 

DEIXAI VIR A MIM AS CRIANCINHAS

 Elas vieram e aconteceu 
este belo momento de ternura!
 Participação na Procissão 
da Festa de São Caetano