quarta-feira, 31 de julho de 2013

FESTAS NA PARÓQUIA - Bom Jesus do Monte e S. Caetano

O Grupo Coral que vai animar as Eucaristia da Festa 
do Bom Jesus do Monte e de S. Caetano, 
é formado por elementos de todos os Coros da Paróquia, 
que se reúnem semanalmente na Capela de S. Caetano, para o ensaio.
 Este ano o Coral  vai ser sob a direcção da Tânia e no órgão estará a Margarida.
 Reina a alegria...
A boa disposição...
Mas também a compenetração!
 O maestro, que desta vez "delegou" a responsabilidade... 
ei-lo contente porque está onde queria!
 Homens e mulheres em aprendizagem e afinação, para que tudo decorra no dia, na perfeição!
Parabéns  pelo vosso trabalho!

terça-feira, 30 de julho de 2013

FESTAS AO BOM JESUS DO MONTE E A S. CAETANO

Estamos já em contagem decrescente 
EUCARISTIA SOLENE: 
Domingo, dia 4 e Segunda, dia 5 às 11h00
PROCISSÃO: 
Domingo às 17h00 e Segunda às 19h00
*no domingo, 4 de Agosto não há missa às 11h em S. Martinho

segunda-feira, 29 de julho de 2013

sábado, 27 de julho de 2013

DOMINGO XVII DO TEMPO COMUM - Ano C

SALMO RESPONSORIAL Salmo 137 (138), 1-3.6-8 (R. 3a)
Refrão: Quando Vos invoco, sempre me atendeis, Senhor. 

De todo o coração, Senhor, eu Vos dou graças,
porque ouvistes as palavras da minha boca.
Na presença dos Anjos hei-de cantar-Vos
e adorar-Vos, voltado para o vosso templo santo. 

Hei-de louvar o vosso nome
pela vossa bondade e fidelidade,
porque exaltastes acima de tudo o vosso nome
e a vossa promessa.
Quando Vos invoquei, me respondestes,
aumentastes a fortaleza da minha alma. 

O Senhor é excelso e olha para o humilde,
ao soberbo conhece-o de longe.
No meio da tribulação Vós me conservais a vida,
Vós me ajudais contra os meus inimigos. 

A vossa mão direita me salvará,
o Senhor completará o que em meu auxílio começou.
Senhor, a vossa bondade é eterna,
não abandoneis a obra das vossas mãos.

“O RIO IN DOURO” começa bem!


Até a chuva e o ar bem fresco se fizeram representar, como que para se tornarem elo de ligação à JMJ no Brasil e ao Papa Francisco!
Alguns dos nossos jovens estão presentes e, com eles, levaram o símbolo da nossa fé a cruz, que eles próprios decoraram.
Não poderia ser de outro modo, pois a cruz é a lembrança de quanto amor o Pai tem por nós e do amor maior de Cristo, que deu a vida por seus amigos.
A cruz é sinal de reconciliação com Deus, connosco mesmos, com os humanos e com toda a ordem da criação em meio a um mundo marcado pela ruptura e pela falta de comunhão.
Como dizia são Paulo, que a cruz seja para nós MOTIVO DE GLÓRIA!

Jovens enchem Copacabana para a celebração da via sacra com o Papa.

  
O tema refletido na via sacra foi um trecho do Evangelho de São Mateus que diz: "Quem quiser ser meu discípulo tome a sua cruz e siga-me" (Mt 16,24).
 
 
 
 Cada uma das estações teve um tema relacionado às questões da juventude no mundo contemporâneo: "jovem missionário", "jovem convertido", "jovem de comunidade de recuperação", "jovem falando em nome das mães", "seminarista", "religiosa que luta pela vida", "casal de namorados", "jovem falando pelas mulheres que sofrem", "estudante cadeirante", "jovem das redes sociais", "presidiário ou jovem da pastoral penal", "jovem com doença terminal", "jovem deficiente auditivo" e "jovens da África, América do Norte, da América Latina e do Caribe, da Europa, da Ásia e da Oceania"

sexta-feira, 26 de julho de 2013

quinta-feira, 25 de julho de 2013

E de repente o silêncio...

Mas também os gritos, a dor, a angustia e a perda. Famílias envoltas em tragédia, a incomensurável tragédia da morte. Em dia de S. Tiago, o luto tomou conta do coração de cada um de nós e o só nos resta o consolo da oração.
Leitura da Segunda Epístola do apóstolo São Paulo aos Coríntios
Irmãos:
Nós trazemos em vasos de barro o tesouro do nosso ministério,
para que se reconheça que um poder tão sublime
vem de Deus e não de nós.
Em tudo somos oprimidos, mas não esmagados;
andamos perplexos, mas não desesperados;
perseguidos, mas não abandonados;
abatidos, mas não aniquilados.
Levamos sempre e em toda a parte no nosso corpo
os sofrimentos da morte de Jesus,
a fim de que se manifeste também no nosso corpo
a vida de Jesus.
Porque, estando ainda vivos,
somos constantemente entregues à morte por causa de Jesus,
para que se manifeste também na nossa carne mortal
a vida de Jesus.
E assim, a morte actua em nós e a vida em vós.
Diz a Escritura: «Acreditei; por isso falei».
Com este mesmo espírito de fé,
também nós acreditamos, e por isso falamos,
sabendo que Aquele que ressuscitou o Senhor Jesus
também nos há-de ressuscitar com Jesus
e nos levará convosco para junto d’Ele.
Tudo isto é por vossa causa,
para que uma graça mais abundante
multiplique as acções de graças de um maior número de cristãos
para glória de Deus.
Palavra do Senhor.

EU VOU AO "RIO IN DOURO"!

Grupo de jovens da paróquia de São Pedro de Vilar do Paraíso, que vão ao Rio in Douro. C Rafaela Gonçalves, Mariana Madeira, Su Gonçalves, Sofia Castro, Beatriz Pinto, Eunice Lemos, Mónica Guedes e Ricardo Campos.


quarta-feira, 24 de julho de 2013

"RIO IN DOURO"


Numa semana em que toda a Igreja, a convite do Papa Francisco, vive especialmente para e com os jovens, é natural que os olhares convirjam especialmente para o Rio de Janeiro. Mas há, por todo o mundo, tantos outros “Rios” a jorrar do mesmo coração (de Cristo Redentor) com que se sintonizam. É o caso do Douro que, na sua margem sul e já bem junto à foz (no Cabedelo de Vila Nova de Gaia) acolhe, desde a manhã de sábado e até ao início da tarde de Domingo, 28 de Julho, mais de 2200 jovens, no evento “Rio in Douro”

http://www.diocese-porto.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=2412%3Ario-in-douro-27-e-28-de-julho&catid=76%3Anoticias


A CATEQUESE nas FESTAS!

A catequese também deve marcar presença nas Festas ao Bom Jesus do Monte e S. Caetano.
É preciso catequistas, crianças e jovens para participar e colaborar nas Procissões.

As Festas ao Bom Jesus do Monte e S. Caetano estão quase a chegar

DÁ A TUA COLABORAÇÃO!

PARA A TÔMBOLA PAROQUIAL: pedem-se prendas, bijuterias e ofertas para prémios. Tudo pode ser entregue no Centro Paroquial

terça-feira, 23 de julho de 2013

28a JMJ Rio2013: Ide e fazei discípulos (Mt 28,19)...


PAPA FRANCISCO CHEGOU AO BRASIL

O papa Francisco chegou às 19h45 de Lisboa de segunda-feira ao Rio de Janeiro (16h45, hora local), naquela que é a sua primeira viagem apostólica fora de Itália.

Excertos do discurso do papa no encontro com Dilma Rousseff

«Aprendi que para ter acesso ao Povo Brasileiro, é preciso ingressar pelo portal do seu imenso coração; por isso permitam-me que nesta hora eu possa bater delicadamente a esta porta. Peço licença para entrar e transcorrer esta semana com vocês.»

«Não tenho ouro nem prata, mas trago o que de mais precioso me foi dado: Jesus Cristo! Venho em seu Nome, para alimentar a chama de amor fraterno que arde em cada coração; e desejo que chegue a todos e a cada um a minha saudação: “A paz de Cristo esteja com vocês!»

«Ide para além das fronteiras do que é humanamente possível e criem um mundo de irmãos. Também os jovens “botam fé” em Cristo. Eles não têm medo de arriscar a única vida que possuem porque sabem que não serão desiludidos.»

«Os pais costumam dizer por aqui: “os filhos são a menina dos nossos olhos”. Que bela expressão da sabedoria brasileira que aplica aos jovens a imagem da pupila dos olhos, janela pela qual entra a luz regalando-nos o milagre da visão!»


segunda-feira, 22 de julho de 2013

RIO IN DOURO - 27 e 28 de Julho - alguns jovens da nossa paróquia estarão presentes

Rio in Douro – PROGRAMA OFICIAL
Sábado
27 DE JULHO
9h-10h | “Chamada Urgente!”

Acolhimento em 4 pontos diferentes:
REGIÃO PASTORAL GRANDE PORTO: Terreiro da Sé do Porto
REGIÃO PASTORAL NORTE: Passeio Alegre
REGIÃO PASTORAL SUL: Praia de Valadares / Francelos
REGIÃO PASTORAL NASCENTE: Mosteiro da Serra do Pilar
OUTRAS DIOCESES: num dos pontos indicados, de acordo com as indicações da Organização (a facultar aquando da inscrição)
10h | Caminhada até ao Recinto
11h | Recinto – “Tornai-vos discípulos de Cristo!”
12H00 |Concentração de boas vindas
Almoço (partilhado)
15h | Workshops – ”Alcançai os povos…”
18h | Oração da Tarde – “Ide…”
20h | Jantar
21h30 | Concerto
24h | Vigília
03h | Silêncio
Domingo
28 DE JULHO
7h | Alvorada
8h | Pequeno-almoço
9h |Oração dos bons dias – “Firmes na Fé”
10h | Catequese(s) – “Com toda a Igreja”
12h |Eucaristia – “Aqui estou, Senhor!”
13h30 | Almoço
15h | Envio

domingo, 21 de julho de 2013

FOLHA DOMINICAL-Informações e Reflexões Importantes para Toda a Comunidade



DOMINGO XVI DO TEMPO COMUM - Ano C

SALMO RESPONSORIAL Salmo 14 (15), 2-3a.3cd-4ab.5 (R. 1a)
Refrão: Ensinai-nos, Senhor: quem viverá em vossa casa? 

O que vive sem mancha e pratica a justiça
e diz a verdade que tem no seu coração
e guarda a sua língua da calúnia. 

O que não faz mal ao seu próximo,
nem ultraja o seu semelhante,
o que tem por desprezível o ímpio,
mas estima os que temem o Senhor. 

O que não falta ao juramento mesmo em seu prejuízo
e não empresta dinheiro com usura,
nem aceita presentes para condenar o inocente.
Quem assim proceder jamais será abalado.

FESTIVAL JOTA: no próximo ano será em Carvalhais-S.Pedro do Sul- Viseu

Terminou o festival Jota e, pelos ecos que nos foram chegando, mais uma vez se revestiu de muita alegria, partilha, fraternidade e espiritualidade. Por tudo o que os participantes vivem são dias de encontro com Jesus Cristo, que tão cedo não serão esquecidos.
No final do festival, como é habitual foi feito o anúncio mais aguardado. A VII edição do Festival Jota, que acontecerá nos dias 25, 26 e 27 de Julho de 2014, ocorrerá num espaço onde já decorreu o conhecido festival "Andanças", em Carvalhais, concelho de S. Pedro do Sul, diocese de Viseu. Pela proximidade geográfica, aguardamos que seja possível no próximo ano, alguns jovens e catequistas estarem presentes neste festival porque a “A música pode ser, de facto, um caminho para Deus”-Pe. Jorge  Castela.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Nossa Senhora de África

Tu que és a Mãe de todos os homens, 
lembra-te em especial dos Africanos.
Faz voltar à unidade 
todos aqueles que seguem a Cristo;
Congrega-os a todos
na Igreja instituída pelo Teu Filho.
Que todos os que não reconhecem em Jesus o Filho do Pai, 
sejam atraídos pela Sua luz.

Nossa Senhora de África, Rainha da Paz,
Concede a Paz a todos os países dilacerados 
pelo ódio, o rancor e o racismo.
Que a lei da caridade do Teu Filho 
conquiste os corações e os una, 
para que todos proclamem a glória do Pai, 
do Filho e do Espírito Santo.
Ámen.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Como posso fugir à banalidade e rotina do meu quotidiano?

Na minha opinião, existem duas formas de fugir à banalidade e à rotina do quotidiano.
A primeira consiste em conservar uma certa distância, também em termos espaciais, da área do quotidiano. Posso recolher-me frequentemente no silêncio. Posso retirar-me para o lugar onde costumo meditar e fazê-lo em silêncio. Posso entrar numa igreja e simplesmente ficar lá em silêncio, ou assistir a uma missa.
Procurar um lugar diferente é, num sentido mais amplo, uma nova qualidade. Para mim, esses são momentos sagrados. Sagrado é aquilo que é extraído do mundo. O tempo sagrado pertence a Deus e pertence-me a mim.

http://www.snpcultura.org/como_posso_fugir_banalidade_rotina_quotidiano.html

domingo, 14 de julho de 2013

HOMENAGEM AOS PÁROCOS

O Executivo e a Assembleia da Junta de Freguesia de Vilar do Paraíso atribui aos Párocos:
Rev. Pe. António Augusto de Oliveira Azevedo
Rev. Pe. José Paulo de Sousa Teixeira 
Rev. Pe. José Manuel da Costa Lima 

a Medalha de Ouro, segunda-feira, 15 de Julho, às 21h30, na Academia de Música de Vilar do Paraíso.
Congratulamo-nos com este merecido reconhecimento e apresentamos aos homenageados os nossos parabéns!

sábado, 13 de julho de 2013

FOLHA DOMINICAL - Informações e Reflexões Importantes para Toda a Comunidade



DOMINGO XV DO TEMPO COMUM - Ano C

SALMO RESPONSORIAL Salmo 68 (69), 14.17.30-31.33-34.36ab.37 (R. cf. 33)
Refrão: Procurai, pobres, o Senhor e encontrareis a vida. 

A Vós, Senhor, elevo a minha súplica,
pela vossa imensa bondade respondei-me.
Ouvi-me, Senhor, pela bondade da vossa graça,
voltai-Vos para mim pela vossa grande misericórdia. 

Eu sou pobre e miserável:
defendei-me com a vossa protecção.
Louvarei com cânticos o nome de Deus
e em acção de graças O glorificarei. 

Vós, humildes, olhai e alegrai-vos,
buscai o Senhor e o vosso coração se reanimará.
O Senhor ouve os pobres
e não despreza os cativos. 

Deus protegerá Sião,
reconstruirá as cidades de Judá.
Os seus servos a receberão em herança
e nela hão-de morar os que amam o seu nome.