sábado, 4 de julho de 2015

FOLHA DOMINICAL - informações e reflexões importantes para toda a comunidade



DOMINGO XIV DO TEMPO COMUM - Ano B


SALMO RESPONSORIAL Salmo 122 (123), 1-2a.2bcd.3-4 (R. 2cd)
Refrão: Os nossos olhos estão postos no Senhor,
até que Se compadeça de nós. 

Levanto os meus olhos para Vós,
para Vós que habitais no Céu,
como os olhos do servo
se fixam nas mãos do seu senhor. 

Como os olhos da serva
se fixam nas mãos da sua senhora,
assim os nossos olhos
se voltam para o Senhor nosso Deus,
até que tenha piedade de nós. 

Piedade, Senhor, tende piedade de nós,
porque estamos saturados de desprezo.
A nossa alma está saturada do sarcasmo
dos arrogantes
e do desprezo dos soberbos.

sexta-feira, 3 de julho de 2015

CATEQUISTAS: AVALIAÇÃO, EUCARISTIA e JANTAR


Sábado, dia 4 de junho, às 17h15, vamos encerrar o Ano Catequético, no centro paroquial e capela de S. Martinho. Serão agraciados os catequistas com 25, ou mais, anos de catequese. Contamos com a tua presença!

segunda-feira, 29 de junho de 2015

S. PEDRO e S. PAULO, Apóstolos 29 de junho

Nota Histórica  
Desde o século III que a Igreja une na mesma solenidade os Apóstolos S. Pedro e S. Paulo, as duas grandes colunas da Igreja. Pedro, pescador da Galileia, irmão de André, foi escolhido por Jesus Cristo
como chefe dos Doze Apóstolos, constituído por Ele como pedra fundamental da Sua Igreja e Cabeça do Corpo Místico. Foi o primeiro representante de Jesus sobre a terra. 
S. Paulo, nascido em Tarso, na Cilícia, duma família judaica, não pertenceu ao número daqueles que, desde o princípio, conviveram com Jesus. Perseguidor dos cristãos, converte-se, pelo ano 36, a caminho de Damasco, tornando-se, desde então, Apóstolo apaixonado de Cristo. Ao longo de 30 anos, anunciará o Senhor Jesus, fundando numerosas Igrejas e consolidando na fé, com as suas Cartas, as jovens cristandades. Foi o promotor da expansão missionária, abrindo a Igreja às dimensões do mundo. 
Figuras muito diferentes pelo temperamento e pela cultura, viveram, contudo, sempre irmanados pela mesma fé e pelo mesmo amor a Cristo. S. Pedro, na sua maravilhosa profissão de fé, exclamava: «Tu és o Cristo, o Filho de Deus vivo». E, no seu amor pelo Mestre, dizia: «Senhor, Tu sabes que eu Te amo». S. Paulo, por seu lado, afirmava: «Eu sei em quem creio», ao mesmo tempo que exprimia assim o seu amor: «A minha vida é Cristo»!
Depois de ambos terem suportado toda a espécie de perseguições, foram martirizados em Roma, durante a perseguição de Nero. Regando, com o seu sangue, no mesmo terreno, «plantaram» a Igreja de Deus. Após 2000 anos, continuam a ser «nossos pais na fé». Honrando a sua memória, celebremos o mistério da Igreja fundada sobre os Apóstolos e peçamos, por sua intercessão, perfeita fidelidade ao ensinamento apostólico. 

sábado, 27 de junho de 2015

AGRADECIMENTO

O 10º ano de catequese agradece aos catequistas, pais, ao coro e ao Rev. Pe. Zé Manel, a disponibilidade a ajuda na organização do Encerramento da Catequese. Desejamos a todos a continuação de uma caminhada com a Alegria do Evangelho, e BOAS FÉRIAS!

CIRCUITO DE ATIVIDADES LÚDICAS

No Encerramento da Catequese,  depois da Eucaristia, 
 foi momento para descontração e jogos 
em que todas as crianças e jovens se divertiram.
 Algumas crianças revelaram grande equilíbrio 
num dos jogos apresentados.
Outros vestidos a preceito!
 Sorrisos lindos que fazem bem à alma!
 Os jovens crismandos marcaram uma bonita presença, 
e não se furtaram ao jogo com os mais pequenos!
 Depois do almoço, tempo ainda para o grupo do 5º ano 
ficar a ver um filme.


A Eucaristia é a Festa em que celebramos a alegria da presença do Senhor Ressuscitado e devemos abrir de par em par as portas do nosso coração, porque já não pode existir medo que nos vença...
Os jovens do 9.º e do 10.º ano de catequese preocuparam-se com os preparativos, para que todos possamos participar alegremente desta festa. 
Todos somos convidados e chamados a dar testemunho dessa alegria. Mas, a Boa Notícia da Ressurreição do Mestre não pode ser completa nem totalmente compreendida sem a Cruz.
A cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo é o centro. Parece estranho…Mas, a mesma cruz que trouxe a desilusão da morte floriu com a ressurreição e dela brotou para nós uma vida nova, animada pelos dons do Espírito Santo.
 Não deve existir mais medo de ousar ter esperança… nem de ousar perdoar…nem de ousar viver…porque Jesus não rejeitou a sua missão. Deus não faltou à Sua promessa. Isto mesmo é o que temos de anunciar em cada gesto da nossa vida, para que todos saibam que Jesus é um caminho seguro… é fonte de Justiça, de Perdão e de Alegria.
E, todos os símbolos que trazemos nesta procissão de entrada, que os jovens estão a colocar, são o sinal inequívoco de que Isto mesmo é o que queremos celebrar!
 O 10.º ano chegou ao fim da sua caminhada catequética, e nela tem vindo a descobrir o sentido do grupo, a beleza da diferença, o ser em relação uns com os outros e todos em comunidade, a maravilha dos dons de cada um e do dever de os colocar humildemente ao serviço de todos.
E disso quer dar testemunho aos que o precedem (principalmente aos jovens do 9.º ano que são o 10º que se segue…), celebrando hoje e aqui, com toda a comunidade catequética a sua fé em Jesus Cristo.
É apenas uma etapa atingida! Significa que é o início de outra…. Assim Deus nos ajude!

sexta-feira, 26 de junho de 2015

ENCERRAMENTO DA CATEQUESE

Amanhã, 27 de junho, 10h00 - Eucaristia, no Parque de S. Caetano. 
Depois da Eucaristia haverá jogos, e no final destes, almoço partilhado. 
VAI SER UMA FESTA!
Contamos contigo a partir das 9h30, e não te esqueças de levar uma moedinha para oferecer na Eucaristia.Todas as migalhas são importantes para partilhar com outras crianças que precisam.

terça-feira, 23 de junho de 2015

NASCIMENTO DE S. JOÃO BAPTISTA -24 junho

João Baptista é o único santo, com a Virgem Maria, de quem a Liturgia celebra o nascimento para a terra. Isso deve-se certamente, à missão única, que, na História da Salvação, foi confiada a este homem, santificado, no seio de sua mãe, pela presença do Salvador, que mais tarde, dele fará um belo elogio (Lc. 7, 28).
Anel de ligação entre a Antiga e a Nova Aliança, João foi acima de tudo, o enviado de Deus, uma testemunha fiel da Luz, aquele que anunciou Cristo e o apresentou ao mundo. Profeta por excelência, a ponto de não ser senão uma «Voz» de Deus, ele é o Precursor imediato de Cristo: vai à Sua frente, apontando, com a sua palavra e com o exemplo da sua vida, as condições necessários para se conseguir a Salvação.
A Solenidade do Precursor é um convite para que conheçamos a Cristo, Sol que nos vem visitar na Eucaristia, e dêmos testemunho d’Ele, com o ardor, o desinteresse e a generosidade de João Baptista.

FOLHA DOMINICAL - informações e reflexões para toda a comunidade



segunda-feira, 22 de junho de 2015

FESTA DE ENCERRAMENTO DA CATEQUESE

Contamos contigo!

FESTA DA FÉ - 14/06/2015

Na passada semana, os meninos e meninas do 6º ano da Catequese viveram a sua Festa da Fé.

Renovaram solenemente as promessas que os seus pais e padrinhos fizeram, por eles, no dia do seu Batismo.

Hoje, bem mais crescidos, são eles, em seu próprio nome, que proclamam a sua fé.
Acenderam, como no Batismo, a sua vela no círio pascal.
 
Perante os pais, padrinhos, restante família e comunidade, professaram a sua fé:

    -- Queremos proclamar a nossa fé!

Creio em ti, Senhor!
Vou deixar-me conduzir por Ti ao longo da minha vida.
Vou estar sempre disponível e de coração aberto e atento à Tua chamada.
Vou continuar a procurar-Te, seguindo o meu caminho na Catequese até ao Crisma, após o que iniciarei uma nova etapa: quero ser Tua testemunha para sempre!



Que sejam fiéis aos compromissos assumidos e sigam com confiança e grandeza de coração o caminho de Jesus.
"Agradecemos a Deus o dom da Fé e a Maria, Mãe de Jesus e nossa Mãe, pedimos que cuide de cada um de nós como cuidou de Jesus".

domingo, 21 de junho de 2015

DOMINGO XII DO TEMPO COMUM - Ano B

SALMO RESPONSORIAL Salmo 106 (107), 23-24.25-26.28-29.30-31 (R. 1b)
Refrão: Dai graças ao Senhor, 
porque é eterna a sua misericórdia. 

Ou: Cantai ao Senhor,  porque é eterno o seu amor.

Os que se fizeram ao mar em seus navios,
a fim de labutar na imensidão das águas,
esses viram os prodígios do Senhor
e as suas maravilhas no alto mar. 

À sua palavra, soprou um vento de tempestade,
que fez encapelar as ondas:
subiam até aos céus, desciam até ao abismo,
lutavam entre a vida e a morte. 

Na sua angústia invocaram o Senhor
e Ele salvou-os da aflição.
Transformou o temporal em brisa suave
e as ondas do mar amainaram. 

Alegraram-se ao vê-las acalmadas,
e Ele conduziu-os ao porto desejado.
Graças ao Senhor pela sua misericórdia,
pelos seus prodígios em favor dos homens.

sexta-feira, 19 de junho de 2015

PARABÉNS, aos meninos e meninas do 3ºcatecismo, pela FESTA DA EUCARISTIA.

E que Jesus fique sempre bem pertinho dos seus corações.
 Tão perto de mim, tão perto de mim 
Que até eu lhe posso tocar, aqui está Jesus

Não procuro Cristo nas alturas
Nem O encontrarei na solidão
Sinto que Jesus está juntinho a mim
Dentro do meu ser, no coração.

Vou contar-lhe toda a minha vida
Como a um amigo falarei
Eu não sei se Ele que habita em mim
Ou se sou eu já que habito n’Ele.

Olha que Jesus vai a teu lado
Entre as alegrias e as dores
A teu lado vai, sempre a caminhar
Ele nunca te abandonará

É O MEU CORPO

É o Meu Corpo: tomai e comei.
É o Meu Sangue: tomai e bebei.
Porque Eu sou a Vida, porque Eu sou o Amor.
Ó Senhor faz-nos viver no Teu Amor.

Como o Senhor nos amou, jamais alguém pode amar;
p´lo caminho da justiça nos ensina a caminhar.
Quando estamos reunidos e partilhamos Seu pão,
Ele nos dá o Seu amor e a Sua paz.

Como o Senhor nos amou, jamais alguém pode amar;
em tudo o que nos legou, manifestou o Seu amor;
Quem comer a Minha Carne e beber o Meu Sangue
permanecerá em Mim e Eu nele.

Sempre que este Pão tomais e deste cálice bebeis,
até que o Senhor volte, Sua morte anunciais.
Quem tomar indignamente este santo alimento,
será réu do Corpo e Sangue do Senhor.

FESTA DA EUCARISTIA - 3º Ano de Catequese

«Jesus está presente na Hóstia consagrada,
Esta é a forma que Jesus escolheu para continuar
no meio de nós.
Jesus está no pão consagrado para ser o nosso alimento.
Foi Ele que disse:
«Isto é o meu Corpo, isto é o meu Sangue»,
Sempre que comungarmos,
recebemos Jesus no nosso coração,
enchendo-nos do Seu amor.»

quinta-feira, 18 de junho de 2015

2. Esta irmã clama contra o mal que lhe provocamos por causa do uso irresponsável e do abuso dos bens que Deus nela colocou. Crescemos a pensar que éramos seus proprietários e dominadores, autorizados a saqueá-la. A violência, que está no coração humano ferido pelo pecado, vislumbra-se nos sintomas de doença que notamos no solo, na água, no ar e nos seres vivos. Por isso, entre os pobres mais abandonados e maltratados, conta-se a nossa terra oprimida e devastada, que «geme e sofre as dores do parto» (Rm 8, 22). Esquecemo-nos de que nós mesmos somos terra (cf. Gn 2, 7). O nosso corpo é constituído pelos elementos do planeta; o seu ar permite-nos respirar, e a sua água vivifica-nos e restaura-nos.

CARTA ENCÍCLICA LAUDATO SI’ DO SANTO PADRE FRANCISCO

SOBRE O CUIDADO DA CASA COMUM
"28. A água potável e limpa constitui uma questão de primordial importância, porque é indispensável para a vida humana e para sustentar os ecossistemas terrestres e aquáticos. As fontes de água doce fornecem os sectores sanitários, agro-pecuários e industriais. A disponibilidade de água manteve-se relativamente constante durante muito tempo, mas agora, em muitos lugares, a procura excede a oferta sustentável, com graves consequências a curto e longo prazo. Grandes cidades, que dependem de importantes reservas hídricas, sofrem períodos de carência do recurso, que, nos momentos críticos, nem sempre se administra com uma gestão adequada e com imparcialidade. A pobreza da água pública verifica-se especialmente na África, onde grandes sectores da população não têm acesso a água potável segura, ou sofrem secas que tornam difícil a produção de alimento. Nalguns países, há regiões com abundância de água, enquanto outras sofrem de grave escassez."

terça-feira, 16 de junho de 2015

OBRAS NA CAPELA DE S. CAETANO

ANGARIAÇÃO DE FUNDOS para obras e actividades da paróquia.
Graças às obras a decorrer na Capela de S. Caetano, várias equipas já reuniram para coordenar iniciativas várias afim de angariarmos fundos para as nossas actividades.
Assim das reuniões havidas destaca-se:
1. EQUIPA DAS OFERENDAS
a) RECOLHA - LEILÕES - esta equipa vai iniciar a recolha de prendas, ofertas e bens comestíveis para leilões. O primeiro leilão será realizado na tarde do Dia da Comunidade, a 12 de Julho, no parque de S. Caetano. Pequenas equipas farão a recolha das oferendas nos diversos lugares da paróquia. Quem desejar pode entregar as oferendas no cartório ou nos centros de cultos.
b) CAMINHADA - na tarde de sábado, 12 de Setembro, será organizada uma caminhada a favor da paróquia. Esta equipa, com a ajuda do secretariado da catequese, organizará esta iniciativa.
c) POIO DA VACA - esta iniciativa será em S. Caetano, com a organização dos Amigos de Pedro e será na tarde de domingo 9 de Agosto.
2 - EQUIPA DE ZELADORES DA CAPELA de Bom Jesus do Monte e S. Caetano:
a) CARTÕES - Esta equipa distribuirá Cartões (5€ p/ cartão)
b) ORNAMENTAÇÃO dos andores e peditórios nas celebrações das festas em Honra do Bom Jesus do Monte e S. Caetano.
3- FAMÍLIAS AMIGAS DA PARÓQUIA - famílias que queiram participar com uma pequena quantia por cada membro do agregado familiar e se unam assim para uma oferta familiar à Paróquia. Haverá uma grelha, que através de angariadores, chegará às famílias interessadas em ajudar e informaremos na Folha Dominical.
Por favor, pedir no cartório cartas e grelhas e outro material para distribuir.
Mais importante: que cada um de vós possa colaborar, de boa vontade, com a mais pequenina oferta, ou a mais pequenina participação. O bem é de todos.

Folha Dominical 957

segunda-feira, 15 de junho de 2015

7º ANO DE CATEQUESE - BEM-AVENTURANÇAS


As Bem-Aventuranças, celebração do 7º ano de catequese aconteceu no Domingo dia 7 de junho, e que quiseram connosco partilhar.
"Hoje encontramo-nos aqui reunidos para celebrar a Festa das Bem-Aventuranças. 
 BEM-AVENTURADO quer dizer FELIZ e fazer a vontade de Deus é ser bem-aventurado. 
 As bem-aventuranças são um projeto de vida, um código de felicidade que nos é oferecido por Jesus! 
Nós já o conhecemos e queremos responder com a nossa vida à proposta de "bem-aventurança" de Deus. Queremos ser seus discípulos, suas testemunhas. 
Sabemos que só podemos encontrar a alegria se O seguirmos e rechearmos a nossa vida de valores que nos façam verdadeiramente felizes."
Parabéns e que a mensagem de Jesus vos continue a guiar!

ENSAIOS PARA A FESTA DE S. PEDRO


Em breve será a festa do nosso padroeiro São Pedro. E, por isso, é preciso preparar a celebração, nomeadamente os cânticos. Assim, esta semana, dias 15 e 18, haverá ensaios no centro paroquial, pelas 21h30. O CONVITE é para todos os que gostam de cantar e possam participar.