quarta-feira, 7 de novembro de 2012

EVANGELHO Lc 14, 25-33 - «Quem não renunciar a todos os seus bens não pode ser meu discípulo»

O amor de Cristo não é para o Cristão, um amor ao lado dos outros amores; é o coração de todos os seus amores. Por isso, todos os seus amores devem caber dentro do amor ao Senhor. Se não couberem, não são amor verdadeiro. Seguir a Cristo supõe a determinação de purificar todos os sentimentos do coração no amor a Jesus Cristo. Exigência forte, mas a única onde cabe o amor total!


Secretariado Nacional da Liturgia

Sem comentários: