quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

UM CAMINHO DIREITINHO AO CORAÇÃO

O Senhor do Advento
É Aquele-que-Vem
Nascer em Belém,
Bater à nossa porta,
Pedir ao nosso coração
Um bocadinho de pão.

Tão pouco e tanto
Nos pede Jesus,
E para nosso espanto,
E encanto nosso,
O Filho de Maria
Vem vestido de irmão nosso
De cada dia.

Ele anda por aí,
Ao frio e ao calor,
Rico e pobrezinho,
Nosso Senhor.

Vem, Menino,
Senhor do mundo,
Do sol e da lua
Bate à minha porta,
Entra em minha casa,
E que, por graça,
Entre eu também na tua.

D. António Couto

Sem comentários: