segunda-feira, 9 de agosto de 2010

UMA CRUZ QUE NOS UNE A TODOS

Jovens portugueses acolheram com confiança o símbolo das Jornadas Mundiais da Juventude


Representantes de todas as dioceses do país receberam a Cruz da Jornada Mundial da Juventude (CJMJ) das mãos dos jovens espanhóis, durante a Eucaristia que encerrou, no dia 8, a Peregrinação e Encontro de Jovens, em Santiago de Compostela. O grupo português, constituído por 15 jovens, foi encabeçado por elementos da diocese do Porto, que tiveram a responsabilidade de trazer a Cruz para Portugal. O símbolo vai percorrer o país, até dia 20 de Agosto. A iniciativa tem como objectivo congregar os jovens e prepará-los para as Jornadas Mundiais da Juventude, que se realizam daqui a um ano, em Madrid.
D. Manuel Clemente, bispo do Porto, esteve presente na cerimónia e realçou a “grande ligação das dioceses do Norte de Portugal, e em especial do Porto, a Santiago de Compostela”. Foi com naturalidade, considera o mesmo responsável, que os jovens da sua diocese “corresponderam ao convite dos bispos espanhóis, aproveitando o Ano Santo Compostelano para preparar as jornadas de Madrid”. O bispo do Porto expressou ainda a sua satisfação pela participação entusiástica dos jovens, que é um exemplo para os responsáveis da Igreja. "Encontrarmo-nos com a juventude, nos seus próprios ritmos, serve como um acerto, ajuda-nos a definir aquilo que devemos fazer", defendeu D. Manuel Clemente. O percurso da CJMJ em Portugal começou no dia 8, com passagens por Viana do Castelo e Braga. 

Sem comentários: