segunda-feira, 2 de outubro de 2017

PAPA APRESENTA RECEITA DOS TRÊS «P»: PALAVRA, PÃO E POBRES

O Papa Francisco criticou hoje o que apresentou como edições “revistas e atualizadas” da hipocrisia e do “legalismo” na Igreja Católica, apelando a uma maior atenção aos pobres e à Eucaristia.

“Assim se superam as edições revistas e atualizadas daquele mal antigo denunciado por Jesus: a hipocrisia, a vida dupla, o clericalismo que acompanha o legalismo, a distância das pessoas”, disse, na homilia da Missa conclusiva da sua viagem à cidade italiana de Bolonha, perante dezenas de milhares de pessoas que resistiram à chuva.

Francisco considerou que aos cristãos se colocam duas hipóteses, ser “pecadores em caminho”, que se arrependem e se levantam, ou pecadores “sentados”.

O Papa sublinhou que os líderes religiosos do tempo de Jesus eram “custódios inflexíveis das tradições humanas”, mas incapazes de “compreender que a vida segundo Deus se faz a caminho e exige a humildade de abrir-se, arrepender-se e recomeçar”.

“A vida cristã é um caminho humilde de uma consciência nunca rígida e sempre em relação com Deus, que sabe arrepender-se e confiar-se a Ele nas suas pobrezas”, acrescentou.

A intervenção propôs a criação de “novos caminhos”, em diálogo, inspirados nos três ‘P’: Palavra, Pão e Pobres.

“A Palavra, o Pão, os pobres: peçamos a graça de não esquecer nunca estes alimentos-base, que sustentam o nosso caminho”, declarou.

A visita iniciou-se na cidade de Cesena, com um apelo em favor da “boa política”, e prosseguiu com mensagens e gestos em favor dos desempregados, pobres e refugiados.

Simbolicamente, Francisco quis almoçar com um grupo de pobres, refugiados e presos na Basílica de São Petrónio, em Bolonha.

http://www.agencia.ecclesia.pt/noticias/internacional/igrejaitalia-papa-critica-edicoes-revistas-e-atualizadas-da-hipocrisia-religiosa-e-do-legalismo/ 

Sem comentários: