sábado, 2 de janeiro de 2016

GUIADOS POR UMA ESTRELA

Do Oriente veio em procissão de esperança
O melhor da nossa humanidade.
Os três magos caminharam à luz de uma estrela nova,
Recém-nascida,
Mansa,
Como uma criança.

A procissão faz-se em passos de dança,
E a estrela só pode ser olhada com olhos puros,
De cristal,
Com alma enternecida,
E coração de natal.

Por isso,
Não a viu Herodes,
Não a viram os guardas,
Não a viram os sábios,
Que arrastavam os olhos por velhos alfarrábios.

Viram-na os magos,
Pegaram nela à mão,
Levaram-na aos lábios,
Deitaram-na no coração.

Vem, Senhor Jesus.
O mundo precisa tanto da tua Luz.

D. António Couto

Sem comentários: